- Famosos

Antonia Morais conta como remédios para emagrecer afetaram sua saúde mental

A atriz Antonia Morais, filha de Gloria Pires, voltou a falar sobre a batalha que enfrentou até aceitar o seu corpo. Em entrevista ao programa “Conversa com Bial”, a artista de 27 anos relatou como o uso de remédios para emagrecer a levou a crises de pânico, depressão e paranoias.

No passado, Antonia já havia compartilhado com o público seu histórico de uso de medicamentos para emagrecer.

Em um relato sincero sobre a obsessão por padrões estéticos que julgava ideais, publicado em seu Instagram, Antonia contou um pouco do que fez para alcançar os padrões estéticos impostos pela sociedade.

Na busca por ter um “corpo ideal”, Antonia fez uso de remédios para emagrecer, como os inibidores de apetite, sem indicação médica.

Remédios para emagrecer: efeitos em Antonia Morais
Ao retomar o assunto sobre o uso de medicamentos para emagrecer, durante participação no programa de Pedro Bial, Antonia falou sobre os efeitos do uso do medicamento em seu organismo.

Segundo a atriz, as substâncias ingeridas por ela fizeram mal ao seu corpo a ponto de a atriz desenvolver quadros clínicos ligados à saúde mental. “Comecei a ter várias questões, crise de pânico, depressão, paranoia, foi bem horrível”, relatou Antonia a Bial.

De fato, o uso de medicamentos para emagrecer podem acarretar complicações para o corpo. Dentre os principais, destacam-se problemas de sono, diminuição da libido, boca seca, nervosismo, ansiedade, doenças cardíacas, desconcentração, agressividade e crises de pânico.

Em sua entrevista com Bial, Antonia estava ao lado da irmã Cleo. Indagada pelo apresentador se, na época do uso de medicamentos ela recorreu a ajuda da irmã ou de outras pessoas da família para lidar com a situação, a atriz confessou que não.

“É muito difícil elaborar até com pessoas que você ama muito. Você tem até um pouco de vergonha. Não quer assumir aquilo. É uma mistura de sentimentos que te impede de pedir ajuda.”

Fonte: Msn


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *