- Polícia

Suspeito de feminicídio é preso e confessa ter matado ex-companheira durante discussão

Um homem de 46 anos suspeito de ter matado a ex-companheira com uma facada no peito foi preso no bairro Colônia Santo Antônio, Zona Norte de Manaus, na manhã de segunda-feira (12). Segundo a polícia, o homem disse ter cometido o crime para se defender em uma discussão em que a mulher estava com um espeto.

Segundo o delegado titular da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), Paulo Martins, o crime aconteceu na noite de domingo (11), por volta das 23h, no bairro Alvorada, Zona Centro-Oeste. Vanderli da Silva Bomfim atingiu a ex-companheira, Jeruza Gonçalves da Costa, de 29 anos, com uma facada no peito e fugiu.

Após o crime, a DEHS passou a investigar o caso, identificou Bomfim como autor do crime e passou a procurá-lo. Ele foi encontrado e preso na casa de parentes, no bairro Colônia Santo Antônio.

“Vanderli confessou ter cometido o crime e relatou que teria agido em legítima defesa. Ele disse que tiveram uma discussão, ela o ameaçava com um espeto e cometeu o crime”, disse o delegado Paulo Martins.

Apresentado em uma coletiva de imprensa na manhã de terça-feira (13), Bomfim disse que eles discutiram pois ele queria terminar o relacionamento e a mulher não aceitava. “Ela não aceitava a separação e me ameaçava. Ela veio com um espeto para cima de mim e aconteceu”, disse o suspeito.

A prima de Jeruza, Beth Lima, comentou que a vítima estava em um relacionamento com Bomfim desde o fim de 2018. Desde lá, ela relatava para a família brigas entre os dois.

“Ela começou a nos mostrar machucados e dizia que tinham brigado e ele havia a agredido. Sempre dizíamos para ela terminar com ele, mas ela não deixava e isso aconteceu. Agora, nós queremos que a justiça seja feita para que ele não faça isso com outras mulheres”, comentou Beth.

Bomfim deve responder pelo crime de feminicídio. Após os procedimentos na delegacia, ele deve ser encaminhado para uma audiência de custódia no Fórum Ministro Henoch Reis.

Fonte: G1


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *