- Brasil

Chuva e vento forte em SC causam transtornos e falta de energia

A chuva e vento forte que atingiram Santa Catarina na madrugada desta quarta-feira (3) causam transtornos aos catarinenses. A região do Vale do Itajaí é a mais prejudicada pelo temporal. Houve quedas de árvores e há relatos de pontos de alagamento em cidades da Grande Florianópolis.

A BR-282, que dá acesso à Serra catarinense, na altura de Santo Amaro foi bloqueada perto das 5h após a queda de árvores. Por volta das 6h40, o trânsito foi desobstruído, mas a lentidão do local seguia nas primeiras horas da manhã.

Em Águas Mornas, também na Grande Florianópolis, uma residência foi parcialmente destelhada.

De acordo com a Centrais Elétricas de Santa Catarina (Celesc), os transtornos deixaram mais de 297 mil imóveis sem energia elétrica. Por volta das 5h, 67.831 unidades consumidoras estavam com interrupção de energia acidentais. Em Itajaí, 160.202 pontos também estavam sem o serviço.

Em Ilhota, na mesma região, o quartel do Corpo de Bombeiros Voluntários foi destelhado durante a madrugada. Segundo a corporação, materiais de uso diário nos atendimentos foram atingidos, bem como documentos.

Em observação, a Defesa Civil informou que desde o início da madrugada até as 4h30 havia risco de deslizamento em Rio do Sul, Salete, Governador Celso Ramos, Florianópolis, Santo Amaro da Imperatriz, Águas Mornas, Palhoça e São Pedro de Alcântara.

Temporal no Oeste de Santa Catarina causa estragos e destelha igreja
Balneário Camboriú
Devido as fortes rajadas de vento na madrugada desta quinta-feira (0), em Balneário Camboriú, no Litoral, a Defesa Civi atendeu cerca de 20 ocorrências de quedas de árvores e pontos de alagamentos ate as 6h.

Ariribá, Nações, bairro dos Amores e o Centro foram os bairros atingidos pelo vento, contabilizando muitas quedas de árvores. Três residências nas ruas Maçarico, Síria e Beija Flor foram detalhadas receberam lonas.

O trânsito na Avenida Brasil, na esquina com Alvin Bauer foi interditada devido a queda de uma grande árvore. A Celesc atuava para restabelecer a energia elétrica em vários bairros da cidade nesta manhã.

Previsão do tempo
O deslocamento de uma área de baixa pressão próximo ao Rio Grande do Sul e uma frente fria por Santa Catarina favorece pancadas de chuvas. Segundo a Defesa Civil, há possibilidade de temporais com altos acumulados de chuva, raios, vendaval e eventual queda de granizo.

As tempestades mais severas ocorrem entre o Extremo Oeste e Planalto Sul catarinense. Nessas áreas, a Defesa Civil informou que há risco “iminente de desastres”.

A partir do final da tarde e noite, as condições do tempo já devem melhorar em boa parte de Santa Catarina. A temperatura máxima varia de 27°C a 32°C no Litoral, Vale, 25°C a 29°C no Planalto Norte, porção oeste e até 25°C no Planalto Sul.

Fonte: G1


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *