- Economia

Trabalho temporário registra alta no primeiro trimestre

Uma pesquisa da Asserttem (Associação Brasileira de Trabalho Temporário) e da Caixa Econômica Federal mostra que o número de profissionais em vagas temporárias avançou 17,4% no primeiro trimestre de 2018, em comparação com o mesmo período do ano passado.

Ao todo, foram 281.204 vagas de trabalho temporário geradas em todo o Brasil, o melhor resultado para o período desde 2015. Em média, nos três primeiros meses desse ano, foram criadas 3.124 vagas temporárias por dia.

Segundo Michelle Karine, presidente da Asserttem, em momentos de incerteza na economia não convém às empresas investir em despesas fixas. Nesse sentido, “o trabalho temporário é a alternativa mais viável para atender a demanda de flexibilidade e de rápida mobilização de mão de obra”.

— Estamos passando por um momento de sutil estabilidade, o que trouxe para as empresas a possibilidade de voltarem a contratar, aos poucos, conforme o cenário vai evoluindo.

Ainda segundo Karine, o estado com a maior geração de vagas temporárias foi São Paulo, com 179.140 novos postos este ano. O número representa um avanço de 11% em relação ano passado.

Legislação

Um aspecto que contribuiu com o aumento de vagas foi a Reforma Trabalhista aprovada em março de 2017, que trouxe atualizações como a ampliação do prazo de contrato temporário, de três para seis meses, podendo ser prorrogado por mais três se a necessidade perdurar.

Em todo ano passado, 1 milhão de vagas de trabalho temporários foram geradas no Brasil.

Fonte: Divulgação


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *