- Esportes

Bola parada ‘assusta’ o Atlético, que sofreu 11 dos 19 gols nesse tipo de jogada

Na derrota para o Grêmio por 2 a 0 na Arena, o Atlético sofreu dois gols que começaram em jogada de bola parada. No primeiro, o zagueiro Bressan escorou cobrança de escanteio na primeira trave e marcou. No segundo gol, a defesa do Galo ‘dormiu’, o Tricolor cobrou rapidamente a falta, a bola chegou na direita para Leo Moura, que cruzou na cabeça de André. O centroavante não perdoou o ex-clube.

Ao todo, dos 19 gols sofridos pelo Atlético no Campeonato Brasileiro, 11 foram originados em jogadas de bolas paradas (pênalti, falta e escanteio). O técnico Thiago Larghi reconheceu os erros no jogo contra o Grêmio.

“No segundo gol, a gente deu bobeira, achamos que a bola seria jogada na área. Os dois gols foram de bola parada. A gente reconhece, foi uma bola de primeiro pau, a gente sabia que o Grêmio tinha esse tipo de cobrança e não conseguimos marcar”, afirmou Larghi, após o jogo contra o Tricolor.

Dos 13 jogos na Série A, o Galo levou gols de bola parada em oito partidas.

O pior momento ocorreu no jogo contra a Chapecoense, pela 9ª rodada do Campeonato Brasileiro. Contra o time catarinense, o Atlético levou três gols nesse tipo de jogada. Leandro Pereira escorou cruzamento após escanteio e marcou o primeiro. Arthur Caike, em cobrança de falta, fez o segundo. E Wellington Paulista empatou o jogo (3 a 3) em cobrança de pênalti.

Gols de bola parada sofridos pelo Atlético

Vasco 2 x 1 Atlético – Gol de pênalti de Pikachu
Atlético 2 x 1 Vitória – Gol contra de Gabriel após escanteio
Atlético 1 x 0 Corinthians
São Paulo 2 x 2 Atlético
Atlético-PR 1 x 2 Atlético – Gol de Pablo de cabeça após escanteio
Atlético 1 x 0 Cruzeiro
Atlético 0 x 1 Flamengo
Sport 3 x 2 Atlético – Gol de pênalti de Michel Bastos
Atlético 3 x 3 Chapecoense – Leandro Pereira marcou ao escorar escanteio; Arthur Caike, em cobrança de falta, fez o segundo. E Wellington Paulista estufou a rede em pênalti
América 1 x 3 Atlético – Messias marcou de cabeça após cobrança de falta
Atlético 5 x 2 Fluminense – Gilberto escorou de cabeça para o gol após cobrança de escanteio
Atlético 2 x 1 Ceará
Grêmio 2 x 0 Atlético – Bressan cabeceou escanteio e abriu o placar. Grêmio cobrou falta rápida, a bola chegou na linha de fundo e de lá encontrou a cabeça de André

Fonte: SuperEsporte


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *