- Esportes

Chape reage na hora certa, garante permanência na Série A e pode chegar à Sul-Americana

Enquanto muitos apostavam na queda da Chapecoense em virtude da sequência de erros dentro e fora dos gramados na temporada, a equipe não desistiu. Aos poucos, aumentou a confiança da torcida, conseguiu deixar a zona de rebaixamento e manteve a distância para o Z-4 até o fim. Na tarde de domingo, diante de uma Arena Condá lotada, bateu o São Paulo e garantiu a permanência na elite por mais um ano. Ufa!

O gol de Leandro Pereira, aos 22 minutos do segundo tempo, não representou apenas o alívio por escapar da degola na última rodada, mas também alegria para aqueles que confiavam em um final feliz, apesar do caminho ser sofrido e cheio de percalços. E assim foi.

No fim da partida contra o São Paulo, o sentimento que era de alívio com a meta alcançada ganhou a companhia da esperança com a possibilidade de classificação para a Copa Sul-Americana.

Em 14º na tabela, a Chapecoense estaria fora da competição, mas pode conseguir a vaga se o Atlético-PR, que está em sétimo, vencer o Junior Barranquilla na decisão do torneio. E a temporada onde a Série B parecia cada vez mais perto tem grande chance de terminar com uma disputa internacional no currículo.

No fim da partida, o lateral Eduardo desabafou e criticou aqueles que torciam pela queda da Chape.

– Isso é para quem estava torcendo contra, que ficavam falando um monte de besteiras, que não éramos capazes, que o time era medíocre, que não tinha alma e nem coração. Está aí a prova. Derrubamos um gigante. Não caímos, é Série A – disse à Rádio Super Condá.

Com o fim do campeonato nacional, o elenco da Chapecoense foi liberado para as férias. A reapresentação do grupo acontece em janeiro e visa o Catarinense. A estreia do Verdão será no dia 17, contra o Marcílio Dias, em casa.

Fonte: Globo esporte


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *