- Esportes

Com duelo de artilheiros, Colômbia e Inglaterra fecham oitavas de final da Copa

Colômbia e Inglaterra duelam nesta terça-feira, às 15h(de Brasília), na Arena Spartak, em Moscou, na Rússia, no jogo que fecha as oitavas de final da Copa do Mundo de 2018. Os colombianos conquistaram a primeira colocação do Grupo H após triunfo de 1 a 0 sobre Senegal e chegam embalados, tentando repetir o feito de quatro anos atrás, quando chegaram às quartas de final e foram eliminados pela Seleção Brasileira. Os ingleses ficaram na segunda posição do Grupo G, pois preservaram os titulares contra a Bélgica sendo derrotados por 1 a 0.

José Pékerman, técnico da Colômbia, conversou com seus jogadores sobre a importância de valorizar a posse de bola e tomar cuidado com as jogadas aéreas da Inglaterra.

“Nós sabemos que precisamos manter o nosso estilo de jogo contra a Inglaterra, pois foi ele que nos fez chegar a bons resultados nos últimos anos. É importante valorizarmos a posse de bola e jogarmos em velocidade na descida ao ataque. Mas apenas isso não basta para batermos um rival de grande qualidade como os ingleses. É fundamental termos atenção redobrada nas jogadas de bola aérea, pois isso também é nosso forte e eles não podem levar vantagem”, disse Pékerman.

Pelo lado da Inglaterra, o técnico Gareth Southgate promete uma postura ousada, como a vista nos primeiros jogos da fase de grupos. “Agora é uma outra competição, pois quem perder volta para casa e apenas um resultado interessa. A Colômbia tem, um futebol envolvente, com o melhor da técnica sul-americana e velocidade. Isso precisa ser trabalhado por nós para não sermos surpreendidos. Mas temos que atacar porque é preciso gols. Fomos bem na primeira fase quando nos impomos e temos que agir dessa maneira”, disse Gareth.

Para este jogo a grande incógnita na Colômbia é a presença do meia James Rodríguez, o craque do time, que vem sofrendo com uma lesão no músculo da panturrilha direita. Ele vai se submeter a um teste de vestiário e se for vetado, é possível de Luis Muriel assuma o posto, a exemplo do que aconteceu contra Senegal.

Já a Inglaterra vai manter o time que jogou a maior parte da primeira fase. A principal esperança recai nas costas do artilheiro Harry Kane, que já anotou cinco gols até aqui no Mundial.

Caso a partida termine empatada após noventa minutos, acontecerá uma prorrogação de trinta minutos. Persistindo a igualdade no tempo extra, o classificado será conhecido apenas na disputa de pênaltis.

Fonte: Superesporte


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *