- Esportes

Cruzeiro defende campanha 100% na Libertadores

Invicto na Libertadores e há 17 jogos na temporada, o Cruzeiro terá facilidades contra o Huracán, equipe chegou a ficar 11 partidas sem vitória e só tem um ponto na competição continental? Olhando apenas para os números, pode-se até acredita que sim. Mas é Libertadores, amigos! E as surpresas sempre acontecem… Por isso, todo cuidado é pouco para a partida da próxima quarta-feira, no Mineirão.Mano Menezes citou as dificuldades que os times brasileiros e argentinos vêm tendo na competição continental. Citou que apenas dois argentinos venceram até agora na competição (San Lorenzo e Boca Juniors), enquanto outros brasileiros – como Flamengo, Atlético-MG e Grêmio – estão com dificuldades na competição.Algumas nossas também. Algumas iniciaram com um pouco mais de vantagem. Essa vantagem diminuiu. Não pode se descuidar de nada, achar que venceu antes da hora, porque a Libertadores não perdoa quase nada.

Huracán vem aí

Mano Menezes também citou a campanha do venezuelano Deportivo Lara, vice-líder do Grupo B.- O Deportivo Lara, quando veio aqui, meio que se vendeu a ideia que eles iriam chegar quase subnutridos, cansados, de bengala. Os caras jogaram bem, correram para caramba.

Sobre o Huracán, que é o último colocado da chave, Mano acredita que a partida será complicada. Principalmente porque o time argentino precisa pontuar para continuar sonhando com a classificação para as oitavas de final.

– Nós jogamos um jogo duro contra o Huracán lá. Tenho certeza que vão jogar as últimas cartadas do grupo, porque sabem a importância que é. Temos que ter respostas fortes, jogos fortes, que é o que a gente entende que é necessário para conseguir um bom resultado na Libertadores.

Fonte: Globo Esporte 


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *