- Esportes

Em Zagreb, torcedores reagem com misto de orgulho e decepção após derrota croata

A euforia inicial deu lugar a uma mistura de decepção e orgulho para os torcedores da Croácia que se reuniram na capital Zagreb, após a equipe nacional perder neste domingo para a França, por 4 a 2, a final da Copa do Mundo da Rússia, em sua primeira decisão da história da competição.
Reações da torcida croata em Zagreb depois da perda do título da Copa do Mundo para a França
Torcedores croatas lotaram as ruas da capital Zagreb para assistir à final da Copa do Mundo

O confronto que valeu o título do Mundial parou o país de 4 milhões de habitantes, do leste europeu. Os meios de comunicação descreverem o evento como o maior da história do esporte da nação croata. “A Croácia caiu como um herói!”, proclamou o News Portal Index, veículo da imprensa local. “A seleção da Croácia conseguiu unir todo o país!”, também destacou a publicação.

Na capital Zagreb, torcedores vestindo o tradicional uniforme vermelho e branco quadriculado da seleção e envoltos em bandeiras se amontoaram em praças e ruas, cheios de esperança até o apito final. Antes da partida, alguns invadiram uma fonte de água onde fizeram a festa. Houve ainda ocupação de um prédio em obras para que pudessem assistir ao jogo com boa visão para um telão. Outros subiram nos postes públicos.

Quando o jogo terminou com a derrota croata, os fãs não conseguiram esconder a tristeza, mas muitos disseram que estavam impressionados com o que a Croácia conseguiu no torneio. “Claro que estou triste. Eu podia vê-los levantar o troféu, mas isso é realmente fantástico”, afirmou o torcedor Aleksandar Todorovic. “Fomos ótimos!”, completou.

Agitando bandeiras e cantando músicas, muitos torcedores mantiveram a empolgação, mesmo com a multidão dispersando da praça principal de Zagreb. A festa, em menor proporção, continuou à noite (no horário local).

Os fãs ficaram particularmente orgulhosos com o desempenho do capitão da equipe, Luka Modric, que ganhou a Bola de Ouro ao ser eleito o melhor jogador da Copa do Mundo. “Conseguimos muito”, disse Sofia Halinovcic, de 26 anos. “Isto é o melhor que já fizemos.” Ela afirmou ainda: “Nós tínhamos grandes expectativas, mas ainda precisamos processar o que fizemos”.

A Croácia está planejando uma grandiosa cerimônia de boas-vindas para seus jogadores na segunda-feira, que incluirá celebrações na praça principal de Zagreb e uma recepção com a presidente do país, Kolinda Grabar-Kitarovic, que estava presente neste domingo no estádio Luzhniki, em Moscou, palco da decisão entre franceses e croatas, e foi figura de destaque entre as autoridades em outras partidas da seleção.

O primeiro-ministro da Croácia, Andrej Plenkovic, disse que a seleção é “a primeiro do mundo para mim”. “As pessoas estão felizes como se tivéssemos vencido e é assim que deve ser”, acrescentou. “Este é um resultado milagroso para a Croácia e devemos estar muito, muito felizes”, enfatizou.

FONTE: SUPERESPORTE


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *