- Polícia

Homem é preso suspeito de envolvimento em duplo homicídio, na Zona Oeste de Manaus

Um suspeito de duple homicídio, de 25 anos, foi preso nesta quinta-feira (26), no bairro Compensa, na Zona Oeste de Manaus. Segundo a polícia, ele é investigado por participação no assassinato de duas pessoas encontradas mortas dentro de um carro em 2013.

O suspeito foi preso em cumprimento a mandado de prisão durante a Operação Choque de Ordem 2. Ele estava na casa onde morava, na Rua Tobias Barreto, quando foi surpreendido pelos policiais.

O homem é suspeito de participação no homicídio de duas pessoas achadas mortas em um veículo, em setembro de 2013, na Avenida Liberdade, no bairro Santo Agostinho, também na Zona Oeste da capital amazonense.

De acordo com a polícia, ele foi preso por tráfico de drogas em 2013 e em 2017.

Após a detenção, ele foi conduzido ao 8º Distrito Integrado de Polícia (DIP), de onde será levado para o Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM), no quilômetro 8 da rodovia BR-174.

Operação
Além do cumprimento de mandado de prisão, os policias atuam em barreiras itinerantes junto com o Núcleo Especializado em Operações de Trânsito (Neot) do Departamento Estadual de Trânsito (Detran). Pela manhã, foram apreendidos 22 veículos, sendo dez carros e 12 motocicletas.

As ações contam com policias da Secretaria Executiva Adjunta de Operações (Seaop), em conjunto com Força Tática, Grupo Força Especial de Resgate (Fera), Rondas Ostensivas Cândido Mariano (Rocam) e Comando de Operações Especiais (COE).

A operação desta quinta (26) faz parte de uma ação de investigação deflagrada para identificar e prender os autores dos mais de 200 homicídios registrados de junho a julho deste ano em Manaus. As mortes teriam relação com briga entre facções rivais e seis suspeitos foram identificados.

Um grupo formado por 34 delegados, coordenado pela Delegacia Geral da Polícia Civil acompanham os casos. As denúncias podem ser feitas anonimamente por meio do telefone 181.

Fonte: G1 AM


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *