- Brasil

Exclusivo: Fantástico mostra imagens dos últimos momentos de Henry com vida

Um caso está desafiando a polícia carioca: a morte do menino Henry, de quatro anos. Uma ex-namorada do padrasto do garoto disse à polícia que o vereador Doutor Jairinho já havia agredido ela e a filha.

O Fantástico teve acesso ao depoimento dela e a imagens exclusivas dos últimos momentos de Henry com vida.

O laudo do IML aponta algumas lesões espalhadas pelo corpo do menino. Infiltrações hemorrágicas nas partes frontal, lateral e posterior da cabeça. Contusões no rim, no pulmão. A morte foi causada por hemorragia interna pelo rompimento do fígado. A perícia também identificou hematomas no punho, no abdômen e uma escoriação no nariz do menino.

As denúncias de uma ex-namorada de Doutor Jairinho e da filha dela, que relataram terem sido vítimas de agressões do vereador, fizeram o pai do menino, Leniel, pensar sobre o que pode ter acontecido com o filho. Naquele domingo, ele e Henry brincaram no play. Estava tudo perfeito. O único problema é que Henry não queria voltar pra casa onde a mãe dele, Monique, morava com Doutor Jairinho.

Jairinho já tinha sido acusado de violência contra uma mulher, em 2014. Ana Carolina Ferreira Neto, ex-mulher do vereador, registrou ocorrência contando que ele sempre foi violento, a agrediu diversas vezes e chegou a tentar enforcá-la. O caso foi arquivado.

Jairinho negou ter cometido agressões contra as ex-mulheres e contra crianças. E a defesa afirma que o vereador tinha uma relação de carinho e respeito com Henry, filho de Monique.

Na última sexta-feira (26), uma operação da polícia apreendeu telefones e computadores de Jairinho, Monique e também de Leniel. O apartamento onde o menino morreu vai ficar interditado pelos próximos 30 dias. As novas perícias podem ajudar a polícia a entender o que tirou a vida de Henry naquela madrugada.

Fonte: G1


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *