- Brasil

Perseguição policial termina com tiroteio e suspeito morto em SP

Uma perseguição policial na noite desta segunda-feira (15) terminou com um suspeito morto na Vila das Belezas, Zona Sul de São Paulo.

Os ladrões tinham roubado um carro e pretendiam praticar um sequestro-relâmpago. O veículo, no entanto, foi localizado pela polícia, que iniciou uma perseguição pelas ruas da Zona Sul da capital paulista.

Durante a fuga, os ladrões bateram em outro carro, que bateu num ônibus. Os assaltantes acabaram trocando tiros com a polícia, e um deles morreu após ser ferido e levado para o hospital.

Ladrões anunciam sequestro-relâmpago
O motorista do veículo roubado e a irmã dele, que estava no banco do passageiro, estavam conversando por volta das 21h próximo ao Hospital Campo Limpo quando os bandidos chegaram e anunciaram um sequestro.

“Eles falaram assim: ‘é um sequestro-relâmpago, vai pro banco de trás’. Daí quando eles mandaram ir pro banco de trás eu corri”, contou o motorista, que não quis se identificar.

A irmã dele ficou dentro do carro, no banco de trás, e foi ameaçada e agredida pelos criminosos. “Eles falaram: ‘vou te matar, vou te matar, que eles te deixaram. Vou te matar’”, contou a mulher, que também não quis ser identificada.

O motorista avisou à polícia logo após conseguir fugir. Assim que uma viatura encontrou o carro, começou uma perseguição e os bandidos acabaram batendo o veículo, na Avenida das Belezas, perto da estação do Metrô. Depois da batida, eles desceram e começou um tiroteio.

“Eu não ouvi mais nada, só ouvi muito tiro, muito tiro, muito tiro. Aí foi quando eles bateram no ônibus e eu consegui sair pela janela”, contou a mulher.

Um dos assaltantes foi socorrido, mas morreu no pronto-socorro do Campo Limpo. O outro, um adolescente de 16 anos de idade, que estava dirigindo o carro, foi levado para uma delegacia no Morumbi. A polícia encontrou com eles um revólver calibre 38.

Fonte: G1


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *