- Cidade

Grupo Marte interdita rua na Zona Sul para desativar artefatos explosivos em Manaus

Parte da Avenida Duque de Caxias com a Avenida Nhamundá, no bairro Praça 14, Zona Sul de Manaus, foi interditada na manhã desta quinta-feira (18) para a desativação de quatro artefatos explosivos. A ação foi realizada pelo Grupamento de Manejo de Artefatos Explosivos (Marte).

O material é fruto de uma apreensão da Força Tática na noite deste quarta-feira (18), em que sete pessoas foram presas após troca de tiros no bairro da Raiz.

O major do Grupo Marte Mesquita Feitosa informou que Grupo Marte foi acionado por volta das 2h30 ao 1º Distrito Integrado de Polícia, onde o material de explosivo foi levado para apresentação.

“Constatamos a veracidade. Se tratavam de quatro artefatos explosivos. Após os procedimentos preliminares de desocupação, identificação dos objetos, fizemos a remoção para uma área segura e fizemos a desativação do material com sucesso”, disse.

Os artefatos foram levados para o pátio da Central de Medicamentos do Amazonas (Cema). Por volta das 6h40, a via foi interditada pelo Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU).

Ainda conforme o major, o material foi apreendido por uma equipe de policiais militares da Força Tática nesta quarta-feira (18). Na ocasião, sete pessoas foram presas por volta das 23h30, em um terreno baldio, na Rua Ipiranga, bairro Raiz, Zona Sul da capital.

Os policiais receberam informações por meio do Centro de Comunicações Policiais Militares (Cecopom) de que homens estariam armados no local em uma troca de tiros, com o objetivo de executar rivais de uma outra organização criminosa por meio de um “ataque”. Os suspeitos estavam correndo pelas ruas do bairro.

Uma equipe policial foi até o local e conseguiu encontrar cinco suspeitos armados no terreno baldio com diversos armamentos.

Entre as armas, a polícia apreendeu espingardas, lançador de granada, revólveres, munições, além dos artefatos e coletes balísticos.

Os suspeitos foram presos em flagrante e encaminhados ao 1º DIP. Em consulta ao sistema, a polícia constatou que três suspeitos já tinham passagem por roubo e tráfico.

Fonte: Divulgação


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *