- Cidade

Maternidade Dr. Moura Tapajóz disponibiliza vídeos educativos sobre o tema amamentação

Como parte de suas ações voltadas ao esclarecimento e à sensibilização sobre a importância da amamentação tanto para os bebês, quanto para a sociedade, a Maternidade Dr. Moura Tapajóz, da Prefeitura de Manaus, disponibilizou nesta terça-feira, 10/8, o segundo vídeo educativo da série “Agosto Dourado”. O tema explorado essa semana foi “Amamentação: posição e pega”, com aula orientada pela enfermeira Maria Alice Santos.

Os vídeos, que são uma iniciativa do Setor de Educação Continuada e Permanente da maternidade, estão sendo divulgados todas as terças-feiras durante o mês de agosto, com o objetivo de incentivar, promover, proteger e apoiar o aleitamento materno. Na terça-feira, 3/8, o vídeo publicado abordou o papel da amamentação no desenvolvimento orofacial (face e boca) do bebê, sob orientação da fonoaudióloga Neodete Korbes Maués. O conteúdo é voltado tanto aos profissionais de saúde, quanto à população em geral.

É muito fácil acessar o material. Basta entrar na página da Maternidade Dr. Moura Tapajóz no site da Secretaria Municipal de Saúde (https://semsa.manaus.am.gov.br/maternidade-moura-tapajoz) e clicar no link do vídeo a que você deseja assistir. A partir daí, o usuário será direcionado a uma nova página onde o conteúdo será reproduzido automaticamente.

Segundo a enfermeira Maria Alice, diante de tantas alterações físicas e hormonais que ocorrem entre a concepção e o parto, alguns aspectos no início do processo podem ser determinantes para o sucesso ou não da amamentação.

“Muitas vezes, amamentar é um grande desafio para as mães. Não que seja algo difícil, mas realmente requer concentração e autoconfiança. Por isso, alguns detalhes práticos podem ajudar muito as mães a evitar que sofram com dores, desenvolvam receio e desistam de amamentar”, explicou a enfermeira.

“Esse vídeo objetiva orientar minimamente as mães sobre alguns aspectos que podem fazer grande diferença no processo de amamentação, especialmente nos primeiros dias de vida do bebê. Queremos alcançar o maior número de pessoas possíveis, ampliando essa rede tão importante, que é a rede de proteção e apoio ao aleitamento materno”, completou Maria Alice.

Na semana passada, durante evento de abertura da programação oficial de atividades educativas municipais em alusão ao Agosto Dourado, a secretária municipal de Saúde, Shádia Fraxe, destacou que os profissionais de saúde da Semsa, tanto na maternidade, quanto nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs), estão preparados para auxiliar as puérperas a amamentar. “Mães, não desistam de amamentar. Procurem informações, procurem atendimento e nós estaremos preparados para acolher e orientar da melhor forma”, afirmou a secretária.

A programação do Agosto Dourado na maternidade ainda segue por todo o mês, com rodas de conversa com orientações sobre a importância da amamentação às puérperas e seus acompanhantes, além de sensibilizações com os servidores da unidade sobre manejo do aleitamento materno e contato pele a pele.

Leite Materno

O leite materno é conhecido como o “padrão ouro” da alimentação, pois é o alimento mais completo para o bebê, tendo tudo de que ele precisa para se desenvolver de forma saudável até os seis meses de vida. A partir dos seis meses, a orientação do Ministério da Saúde é para que o bebê continue mamando até os dois anos ou mais e seja introduzida a alimentação complementar saudável.

Crianças amamentadas têm menos alergias, infecções, diarreias, doenças respiratórias, otites, e menores chances de desenvolver obesidade e diabetes tipo 2, além de apresentarem melhor desempenho em testes de inteligência e se transformarem em adultos mais saudáveis e produtivos.

Fonte: Divulgação


There is no ads to display, Please add some

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *