- Cidade

Maternidade Nazira Daou realiza ensaio fotográfico de recém-nascidos com o tema Olimpíadas

“Os bebês lutam pela vida. Foi uma forma de mostrar que eles são vencedores e são campeões também ”, afirmou a fotógrafa e enfermeira da Maternidade Nazira Daou, Dyheniver Gomes, responsável pelo ensaio fotográfico com o tema Olimpíadas preparado pela unidade da Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM) para celebrar a vitória dos bebês recém-nascidos internados na unidade. “A ideia surgiu da situação que a gente está vivendo, que são as olimpíadas. Os bebezinhos lutam pela vida. Diante desse avanço que eles ganham tendo, desse progresso que eles lutam pela vida, é uma forma de mostrar que eles são vencedores e que são campeões também. Nós procuramos os adereços, bolinhas, figuras esportivas, e tudo que representa as Olimpíadas ”, contou com uma enfermeira. Uma das recém-nascidas a participar da sessão de fotos foi a pequena Isadora. Mayra Gomes, mãe da criança, revelou que uma iniciativa fortaleceu o vínculo com filha e até imaginou a futura escolha da menina pelo esporte olímpico. “O vínculo da mãe e o bebê é uma coisa que você já tem desde que auxiliar do ventre, é vínculo que não vai mudar. Amei a iniciativa, achei lindo. É um incentivo, futuramente, quem sabe, ela não vira uma bailarina ou uma ginasta. Além disso, aumentou a nossa autoestima, porque quando vemos a criança desse jeito, ficamos preocupadas se ela irá vencer e o que vai acontecer com ela ”, disse a mãe de Isadora. quem sabe, ela não vira uma bailarina ou uma ginasta. Além disso, aumentou a nossa autoestima, porque quando vemos a criança desse jeito, ficamos preocupadas se ela irá vencer e o que vai acontecer com ela ”, disse a mãe de Isadora. quem sabe, ela não vira uma bailarina ou uma ginasta. Além disso, aumentou a nossa autoestima, porque quando vemos a criança desse jeito, ficamos preocupadas se ela irá vencer e o que vai acontecer com ela ”, disse a mãe de Isadora.

Ensaio -A iniciativa surgiu a partir da diretora da maternidade, Adriana Duarte, com o objetivo de proporcionar aconchego e um ambiente mais alegre para os recém-nascidos internados na Unidade de Cuidado Intermediário Neonatal Canguru (Ucinca) e Unidade de Cuidado Intermediário (UCI). “Para a família é um acalento muito grande, e ‘é só amor’, como a gente costuma dizer, porque é uma forma deles terem um pouco da criança em casa, pois os pacientes podem ficar internados sem uma companhia do pai e da mãe . Então, é uma forma deles terem essa presença em casa, mesmo que não fisicamente ”, contou uma gestora. A primeira edição do ensaio foi realizada no ano passado com o tema natalino. As fotografias são entregues à família quando os recém-nascidos apresentam alta e, com a permissão dos responsáveis, são publicadas nas redes sociais da maternidade. “Por sorte, nós temos uma enfermeira aqui na maternidade que nas horas vagas gosta de fotografar, tem uma câmera profissional e tem todo um olhar diferenciado para isso. São fotos emocionantes e mostram todo o amor que a equipe de assistência presta para essas crianças ”, ressaltou a diretora. A produção e captura das fotos são realizadas por Dyheniver Gomes, que produz, juntamente com a equipe da maternidade, os cenários para os bebês e os adereços, higienizados a cada sessão, utilizados no ensaio. “Diante de cada situação, as ideias vão surgindo dentro da equipe e vamos elaborando o cenário, conversando com a mãe e explicando o que a gente quer fazer. É uma satisfação enorme e uma honra estar participando desse momento de ofertar o ensaio para elas ”, contou com a enfermeira e coordenadora do Ponto de Coleta de Leite Humano (PCLH) da maternidade. A fotógrafa amadora relatou que é notável a mudança no ambiente após o ensaio fotográfico, deixando como mães mais animadas e alegres, além de ser importante registrar uma fase que, mesmo difícil, será celebrada a vitória com a alta médica. O ensaio fotográfico terá outras edições. No mês de setembro, será em comemoração pelo aniversário da maternidade, e em novembro, será em alusão ao mês da prematuridade, sendo uma forma de criar ações voltadas para essas crianças que estão alocadas nos leitos da unidade.

Fonte: Divulgação / SES-AM


There is no ads to display, Please add some

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *