- Cidade

Unidades que atendem mulheres vítimas de violência arrecadam lenços no ‘Outubro Rosa’

As unidades ligadas à Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc) que atendem mulheres em situação de violência doméstica iniciaram, nesta quinta-feira (1º), a arrecadação de lenços como parte do “Outubro Rosa”. A campanha nacional alerta para o câncer de mama e, mais recentemente, ao câncer de colo de útero. As doações vão até o dia 30 de outubro.

O “Banco de Lenços” arrecadará os acessórios em cinco pontos: Centro Estadual de Referência e Apoio à Mulher (Cream), nas três unidades do Serviço de Apoio Emergencial à Mulher (Sapem) e na sede da Sejusc. Em todos os espaços haverá uma caixa para depósito das doações. Os lenços serão destinados ao Grupo de Apoio às Mulheres Mastectomizadas da Amazônia (Gamma), que trabalha com mulheres em tratamento contra o câncer de mama.

O secretário William Abreu, titular da Sejusc, destacou que a programação está inserida na campanha “Outubro Rosa”. Ele acrescenta que a Sejusc é coordenadora de políticas voltadas para mulheres e, por isso, é importante que as ações tenham como foco a prevenção da doença.

De acordo com a secretária executiva de Políticas para Mulheres da Sejusc, Ana Barroncas, os acessórios serão de grande valor para as mulheres que enfrentam algum tipo de câncer. “O lenço é uma questão de autoestima também. Ele não só traz a autoestima como também a composição da roupa. Ela se sente mais animada e é realmente algo que mexe com a mulher. É algo de extrema importância neste mês de outubro”.

Aniversário do Cream – Em conjunto com a abertura do “Outubro Rosa”, o Cream, localizado na avenida Presidente Kennedy, bairro Educandos, zona sul, comemorou 12 anos de fundação. Um café da manhã foi preparado para as servidoras, que também aproveitaram um musical de violino e receberam homenagens.

A coordenadora do Cream, Gisele Postal, destacou que a atuação do Centro iniciou em 2008 com o acompanhamento de mulheres vítimas de violência doméstica. Atualmente, o Cream atende tanto essa parcela quanto vítimas de violência urbana, obstétrica, virtual ou qualquer outra que viole os direitos da mulher.

“Nós evoluímos neste sentido, pois passamos a receber mulheres que sofrem todos os tipos de violência. Fazemos o atendimento delas e, a partir da avaliação, nós referenciamos. Então, esta campanha vem somar tudo aquilo que o Cream propõe, que é o acompanhamento integral das mulheres que têm seus direitos violados. É um momento muito rico e importante para a gente”.

Pontos de doação:

Centro Estadual de Referência e Apoio à Mulher (Cream)
Endereço: Avenida Presidente Kennedy, 399, Educandos

Serviço de Apoio Emergencial à Mulher (Sapem) do Parque 10
Endereço: Avenida Mário Ypiranga, conjunto Eldorado, 3.395, atrás da Delegacia da Mulher

Serviço de Apoio Emergencial à Mulher (Sapem) da Cidade de Deus
Endereço: Rua Santa Ana, s/n, bairro Cidade de Deus, dentro da Delegacia da Mulher (anexa ao 13º Distrito Integrado de Polícia)

Serviço de Apoio Emergencial à Mulher (Sapem) da Zona Sul
Endereço: Rua Desembargador Filismino Soares, 155, bairro Colônia Oliveira Machado, dentro da Delegacia da Mulher

Sede da Sejusc
Endereço: Rua Bento Maciel, 02, Conjunto Celetramazon, bairro Adrianópolis

Fonte: Sejusc


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *