- Economia

Telefônica é condenada a pagar R$ 45,7 milhões por dar ingressos a agentes públicos

A Telefônica Brasil foi sancionada administrativamente pela Controladoria-Geral da União (CGU) por dar ingressos para jogos da Copa do Mundo de 2014 a agentes públicos, de acordo com fato relevante da empresa à Comissão de Valores Mobiliários (CVM) nesta sexta-feira (16).

Telefônica Brasil lucra menos no 2º trimestre, afetada por pandemia
A Telefônica Brasil disse que pagará uma multa de R$ 45,7 milhões, e acrescentou que a CGU não encontrou dano à administração pública ou vantagens auferidas pela companhia em razão dos ingressos oferecidos, apontou a Reuters.

De acordo com a empresa de telecomunicações, que opera sob a marca Vivo, a distribuição dos ingressos ocorreu no contexto de ações de marketing e promoção institucional. Mas a ação foi considerada pela CGU como incompatível com os termos da Lei nº 12.846/2013, chamada Lei Anticorrupção.

A ação da CGU foi instaurada após a repercussão do acordo de US$ 4 milhões firmado pela Telefônica com autoridades americanas, em função do pagamento de hospedagens e à distribuição de ingressos a representantes do governo em cargos estratégicos para os negócios da empresa, lembra o Valor Online.

Fonte: G1


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *