- Polícia

Delegado e policiais civis são presos em ação conjunta do Ministério Público e da Polícia Federal

Um delegado e policiais civis foram presos, nesta sexta-feira (9), em Manaus, durante uma operação conjunta do Ministério Público do Amazonas e da Polícia Federal chamada Garimpo Urbano. No total, devem ser cumpridos quatro mandados de prisão.

Entre os detidos está o delegado Samir Freire, que chegou à sede do Ministério Público escoltado por agentes da PF. Ele era chefe do setor de inteligência da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas.

Além de quatro mandados de prisão, outros dez mandados de busca e apreensão estão sendo cumpridos na capital do Amazonas e também em cidades no estado do Pará.

A operação investiga a ação de agentes de segurança envolvidos no desvio de cargas de ouro, obtidas durante abordagem aos transportadores. Ele e o grupo de policiais pediam dinheiro para liberar as cargas e ameaçavam empresários com flagrantes forjados. Foram desviados pelo menos 60 quilos de ouro.

Por volta das 8h, quatro agentes da PF chegaram à sede do MP com um malote com documentos apreendidos durante a operação.

Em nota, o governo do Amazonas informou que os agentes públicos estaduais alvos da operação serão afastados dos cargos que ocupam e exonerados das funções. No texto, o governo diz que condutas ilícitas de qualquer servidor público estadual não são toleradas e que vai colaborar com as investigações, prestando todas as informações necessárias aos órgãos de fiscalização e à Justiça.

Fonte: G1/AM


There is no ads to display, Please add some

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *