- Polícia

Em três meses de atuação, Rocam Motos prendeu 83 criminosos em Manaus

Com o intuito de coibir a criminalidade em Manaus, a 3ª Companhia de Motocicletas Rondas Ostensivas Cândido Mariano (Rocam Motos) vem atuando em patrulhamento ostensivo nas áreas de difícil acesso, inibindo crimes de furtos e roubos, além de fornecer rapidez e mobilidade à polícia para chegar às ocorrências.

De acordo com o balanço do programa, de agosto a novembro deste ano foram apreendidos 33 quilos de entorpecentes, 116 munições, 32 armas de fogo e R$ 31.476 em espécie. Também foram recuperados 15 veículos e presos 83 criminosos.

O comandante da Rocam Motos, capitão Rafael Murta, enfatiza que os resultados positivos alcançados até o momento são fruto de um trabalho bem desempenhado por todo o efetivo do Batalhão. “Os números expressivos são reflexo da dedicação e do treinamento dos policiais da Rocam que, diariamente, estão combatendo o crime e defendendo a sociedade”, disse.

A maior parte das apreensões e prisões aconteceu nas zonas norte e oeste. O comandante destaca a importância do motopatrulhamento para Manaus.

“Nosso trabalho é trazer segurança para o cidadão de bem e combater o crime diariamente, mesmo em horários onde o trânsito é pesado ou em locais de difícil acesso, e também capturar os infratores que utilizam motocicletas para a prática dos seus crimes”, afirma o comandante.

Lançado em agosto pelo governador Wilson Lima, o Rocam Motos contou com investimentos da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) na aquisição de 60 motocicletas do tipo V Strom 650 cilindradas, além de cotoveleiras articuladas, joelheiras táticas, gandolas de instrução, botas motociclistas e calças de instrução.

Também foram entregues aos policiais rádios transceptores e fones de ouvido. O efetivo passou por treinamento especializado por quase um ano.

Denúncias para a Rocam podem ser feitas por meio do aplicativo de mensagens instantâneas WhatsApp, no número (92) 99280-7574.

Fonte: Divulgação/SSP-AM


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *