- Polícia

Ex-presidiário conhecido por postar fotos na internet após fugir da cadeia em 2017 é morto em Manaus

O ex-presidiário Bryan Bremer Quintelo Mota, de 27 anos, foi morto a tiros neste domingo (4), na rua Visconde de Jequitinhonha, Flores, na Zona Norte de Manaus. O homem ficou famoso após participar de uma fuga em massa do Instituto Penal Antônio Trindade (Ipat) e postar fotos na internet durante o período em que estava foragido.

Segundo a polícia, o crime ocorreu pela parte da tarde. Bryan estaria em uma motocicleta, quando pistoleiros se aproximaram e fizeram os disparos. Ele chegou a ser socorrido e levado para o SPA Danilo Corrêa, na Cidade Nova, mas já chegou ao local sem vida.

O homem foi um dos 72 presos que participaram da fuga em massa em 2017. A ação ocorreu horas antes do massacre do Complexo Penitenciário Antônio Jobim (Compaj), onde 57 presos foram mortos.

Após a fuga, Bryan publicou diversas fotos em redes sociais dentro da mata, comendo uma jaca. Em uma outra publicação, Bryan postou uma foto com um outro fugitivo da polícia e comentou: “Na fulga da cadeia [sic]”, escreveu à época.

Fonte: Divulgação


There is no ads to display, Please add some

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *