- Polícia

Idoso é morto a facadas dentro de casa e tem TV roubada; polícia suspeita de mulheres

O aposentado Francisco Dias de Sena, de 78 anos, foi assassinado com duas facadas dentro de imóvel onde morava no bairro São José II, na Zona Leste de Manaus. O idoso foi encontrado morto na noite de sábado (29), horas antes, duas mulheres foram vistas saindo da residência. A Polícia Civil suspeita que o aposentado foi vítima de latrocínio – roubo seguido de morte, uma vez que um aparelho de TV desapareceu da casa. .

O crime ocorreu na rua Paracuúba, onde Francisco morava sozinho, em uma quitinete alugada. Segundo familiares e vizinhos, o aposentado costumava receber visitas de mulheres no imóvel. Neste sábado, duas mulheres foram vistas entrando e saindo da casa do idoso.

Uma vizinha da vítima relatou a investigadores da Polícia Civil que, por volta das 15h, ouviu gritos e barulhos no imóvel, mas que pensou que eram crianças brincando na rua. Momentos depois duas mulheres saíram do local e entraram em veículo modelo Celta preto.

Por volta das 20h40, um vizinho do aposentado, suspeitando da situação, foi até a quitinete e chamou por Francisco. Ele não respondeu, mas a porta estava aberta. O homem entrou no imóvel e se deparou com idoso morto.

O aposentado foi atingido com duas facadas, no pescoço e abdômen. O imóvel estava revirado e uma TV de 24 polegadas não estava no local. Os investigadores da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) suspeitam que a vítima foi alvo de latrocínio. Uma quantia em dinheiro do idoso também pode ter sido roubada da carteira que foi achada vazia.

Família suspeita
A família suspeita da participação de uma mulher com quem Francisco Dias mantinha um relacionamento amoroso. O comportamento do aposentado nos últimos dias causou estranheza nos familiares, segundo relato da filha.

“Ele tinha um caso uma mulher que o ex-marido dela estava preso, mas ficamos sabendo que ele foi solto. Desconfiamos dela e informaremos para polícia. Meu pai estava estranho nos últimos dias e chegou comentar que, recentemente, um casal entrou na casa dele pedindo água e depois roubaram documentos”, relatou a filha do aposentado, a confeiteira Francisca Sena, de 50 anos.

Fonte: G1


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *