- Polícia

Jovem de 19 anos morre a facadas dentro de casa

Uma adolescente de 19 anos foi assassinada a facadas na manhã desta segunda-feira (3), no conjunto Ouro Verde, bairro Coroado 3. A jovem foi encontrada morta dentro do próprio quarto pela cunhada. Segundo a Polícia Civil, há a suspeita de latrocínio – roubo seguido de morte -, uma vez que R$ 4 mil que desapareceram da casa após o crime.

A vítima morava com familiares no segundo andar de uma academia, localizada na Rua C do Coroado 3. A vítima foi encontrada deitada na cama, enrolada em um lençol, pela cunhada. A faca usada no crime estava em cima do corpo.

Segundo o delegado platonista da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (Dehs), Paulo César Ferreira, a vítima foi assassinada com seis facadas e tentou se defender na ação criminosa. Além disso, foi levada uma quantia em dinheiro da residência, mais de R$ 4 mil reais.

“A vítima foi encontrada com seis facadas. Na região do tórax e braço. Ela tentou se defender também da pessoa. Não posso dizer que a pessoa [suspeita] é conhecida, mas ela entrou sem arrombar. Levaram o dinheiro, foram mais R$ 4 mil. Alguém sabia da existência do valor”, explicou o delegado.

Ainda de acordo com o delegado, dentro da residência tinha objetos como notebook e celulares que, no entanto, não foram levados. Isso leva a polícia a crer que o criminoso possuía informação sobre o dinheiro no local.

“Vamos ouvir as pessoas da residência, já temos alguns suspeitos e vamos ouvir. E depois vamos tomar os procedimentos cabíveis. Apesar de ter notebook e celulares na casa, não levaram. A pessoa que veio, já veio com essa intenção”, completou.

O caso foi atendido por policiais militares da 11° Companhia Interativa Comunitária (Cicom).

A perícia criminal do Departamento de Polícia Técnico-Científica (DPTC) esteve no local para coletar dados para o inquérito policial que será instaurado para investigar o crime. Além da perícia, investigadores da Dehs foram ao local onde a vítima foi encontrada para coletar informações que possam ajudar nas investigações.

O corpo da adolescente foi removido da residência pelo Instituto Médico Legal (IML) para os procedimentos cabíveis.

Fonte: G1


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *