- Polícia

Polícia Civil prende autor de furto e flagra traficantes com cerca de 50 kg de maconha

Em ação policial deflagrada na manhã desta quinta-feira, 08, no bairro da Compensa, zona Oeste, em Manaus, a Polícia Civil do Amazonas prendeu Elcimar Santos da Silva, 45, em cumprimento ao mandado de prisão preventiva por furto qualificado.Em flagrante, policiais conseguiram prender os traficantes Elivaldo Ferreira Pereira, 38, conhecido por Didal, e Moisés de Souza Moira, 45, com 49 tabletes de maconha do tipo skunk.

De acordo com as informações apuradas inicialmente pela polícia, Elcimar Santos é acusado como autor de furto ocorrido no mês de julho deste ano, em um galpão localizado no conjunto Águas Claras, bairro Novo Aleixo, zona norte da capital. Do local do foram subtraídos uma retroescavadeira, uma perfuratriz e um gerador de energia, gerando prejuízo avaliado em cerca de 1 milhão reais.

A equipe da Delegacia Especializada em Roubos e Furtos de Veículos – DERFV identificou que o crime foi planejado por Elcimar Santos, a época trabalhava como segurança e porteiro do galpão, onde também residia.Segundo o delegado Rafael Allemand, o infrator aproveitou que os donos do lugar estavam viajando fora do Estado e resolveu colocar em prática o seu plano de furtar equipamentos da empresa. Para prisão do acusado, a ordem judicial foi expedida no dia 30 de julho deste ano, pela juíza Careen Aguiar Fernandes, da 7ª Vara Criminal.

“Nossa equipe se deslocou na manhã desta quinta-feira (9/8), por volta das 6h30, até a residência onde o infrator estava morando, na rua Prosperidade, bairro Compensa, zona Oeste de Manaus, onde ele foi preso. Após a prisão, ele delatou que havia vendido alguns objetos furtados do galpão. Dentre os objetos, um gerador, que estava escondido em uma oficina na rua F, também no bairro Compensa”, relatou o delegado Allemand.

O delegado titular da Derfd explicou que os policiais civis se deslocaram até a oficina com o intuito de recuperarem os objetos subtraídos e, no momento em que chegaram até o estabelecimento, avistaram um indivíduo, ainda não identificado, em posse de material entorpecente, que seria entregue no lugar. O infrator chegou a trocar tiros com a equipe da especializada. Nesse momento, a equipe de policiais militares da 8ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) deu apoio aos trabalhos, mas o infrator empreendeu fuga do local.

“Diante dos fatos,realizamos buscas no interior da oficina, juntamente com a equipe da 8ª Cicom, onde encontramos cerca de 50 quilos de maconha do tipo skunk, no fundo falso, debaixo do piso. O proprietário da oficina, Elivaldo Pereira, e, o ajudante dele, Moisés de Souza, foram presos, em flagrante. Durantes os procedimentos tivemos conhecimento de que Elivaldo é irmão de um traficante ligado a uma facção criminosa que atua no Estado e encontra-se preso no Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM)”, relatou o policial.

Segundo Allemand, no local foram recuperados ferro, gerador e a perfuratriz danificada avaliada em cerca de 500 mil reais. As equipes seguem em campo para reaver o prejuízo das vítimas. Já as informações recolhidas na oficina serão encaminhadas ao Departamento de Investigação sobre Narcóticos (Denarc), que irá averiguar a procedência do material entorpecente.

Flagrante

Elcimar Santos foi indiciado por furto qualificado e será conduzido ao Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM) onde permanecerá à disposição da Justiça. Elivaldo Pereira e Moisés de Souza foram autuados em flagrante por tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas. Eles serão indiciados, ainda, por crime de receptação. Ao término dos procedimentos cabíveis, os dois serão levados para Audiência de Custódia no Fórum Ministro Henoch da Silva Reis, bairro São Francisco, zona sul da capital.

Fotos:Divulgação/PC/Am


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *