- Polícia

Polícia prende trio do roubo à casa de empresário e recupera objetos das vítimas

O delegado Juan Valério, diretor do Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO) da Polícia Civil do Amazonas (PC/AM) apresentou na manhã desta terça-feira (28/8) em coletiva à imprensa, às 9h30, no prédio da Delegacia Geral, o trio Beatriz da Costa Fonseca, 18; Eli Cristian Elias Gatto, 18, e Leidiane Sena de Amorim, 28. Eles foram presos em flagrante por roubo à casa de um empresário, ocorrido no último domingo, 26/08, situada à rua Andirá Açu, bairro Colônia Terra Nova, zona Norte de Manaus.

Segundo o delegado Valério, os envolvidos no roubo, Beatriz, Eli e outros dois indivíduos, que estão sendo procurados pela polícia, invadiram a casa de um empresário de 56 anos, levando do local diversos objetos, entre jóias, relógios, aparelhos celulares e outros pertences, além de R$ 6 mil em espécie. Os dois elementos que seguem foragidos já foram identificados, mas não tiveram suas identidades reveladas para não comprometer o andamento das investigações em torno do caso.
“Esses indivíduos são de alta periculosidade e agem de forma organizada. Eles entraram armados na casa e foram violentos com o proprietário. Vale destacar que esse tipo de caso não é o foco do DRCO, mas como estávamos em diligência na ação policial em combate aos homicídios na capital, recebemos informações, por meio do nosso setor de inteligência, que esse roubo estava em curso. Identificamos os envolvidos no crime e saímos em busca desses infratores”, explicou o delegado Valério.
O diretor do DRCO ressaltou que Beatriz e Eli foram presos pela equipe do departamento na tarde de segunda-feira (27/8), por volta das 17h, no bairro Compensa, zona oeste da capital. Após as prisões deles, a polícia descobriu que Beatriz havia trabalhado como doméstica na casa da vítima. A jovem passou informações privilegiadas sobre a rotina dos moradores da casa e também do lugar onde o dinheiro estava escondido.
“Após a prisão da dupla, localizamos Leidiane. Ela foi presa no bairro Colônia Terra Nova, zona norte da capital. Identificamos que a mulher é companheira de um dos elementos que participaram efetivamente do delito. Encontramos com ela vários objetos roubados do imóvel, como jóias, bolsas, perfumes e R$ 2 mil. Ela não atuou diretamente no roubo, mas participou de toda a trama. Além dos objetos, apreendemos com ela, ainda, porções de drogas, que já foram enviadas para perícia”, disse o delegado.
Juan Valério destacou que os objetos recuperados serão entregues aos moradores da casa. Na base do DRCO, os policiais civis constataram que Eli tinha passagem pela polícia quando era menor de idade, por ato infracional análogo ao crime de roubo. “Esse infrator completou 18 anos em abril deste ano. Ele agia muito em coletivos, roubando os pertences dos passageiros”, afirmou.
Beatriz e Eli foram autuados em flagrante por roubo majorado e associação criminosa. Enquanto, Leidiane irá responder por tráfico de drogas, receptação e associação criminosa. Ao término dos procedimentos legais na base do DRCO, o trio será levado para Audiência de Custódia no Fórum Ministro Henoch da Silva Reis, bairro São Francisco, zona Sul de Manaus.
Disque-Denúncia 181
O delegado Valério destacou que as investigações em torno do caso continuam, com o objetivo de localizar e prender os outros dois indivíduos que participaram do roubo. “Quem puder nos ajudar com informações sobre o paradeiro desses elementos, basta ligar para o número 181, o disque-denúncia gratuito da Secretaria de Estado de Segurança Pública do Amazonas (SSP/AM) garantiu.
Fonte: PC/AM

There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *