- Polícia

Policial militar reformado tem prisão preventiva decretada por homicídio qualificado

Um policial militar reformado teve a prisão preventiva decretada, durante audiência de instrução e julgamento, na manhã desta terça-feira (13), realizada no Fórum Ministro Henoch Reis, na Zona Sul de Manaus. O PM é suspeito de assassinar um homem no dia quatro de março deste ano, na Comunidade Monte Pascoal, na Zona Norte da capital.

O pedido de prisão foi feito pelo promotor de justiça do Ministério Público do Estado do Amazonas, André Epifânio Martins e decretado pelo juiz titular da 1ª Vara do Tribunal do Júri da Comarca de Manaus, Celso Souza de Paula.

De acordo com a denúncia do Ministério Público, no dia do crime o PM estaria junto à vítima, na companhia das respectivas esposas. Eles decidiram ir ao Igarapé da Prainha, na zona Norte da capital. Ao retornarem do passeio, os dois teriam discutido dentro do veículo, nesse momento, o PM efetuou, pelo menos, 13 tiros contra a vítima.

Após o crime, o suspeito teria se deparado com um carro da Polícia Militar em um posto de combustível, se identificou como policial militar reformado e conseguiu fugir do local levando o corpo da vítima dentro do veículo, após as duas mulheres descerem do carro.

O PM abandonou o corpo da vítima na comunidade Monte Pascoal.

Segundo o Tribunal de Justiça do Amazonas, com a prisão decretada e cumprida pelo Comando da Polícia Militar do Amazonas, o PM é suspeito de homicídio qualificado e vai aguardar o final da fase de instrução processual para saber se vai a júri popular.

Fonte: G1


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *