- Política

Na reta final da CPI da Covid, preocupação do governo Bolsonaro é com crise econômica

A equipe do presidente Jair Bolsonaro sabe que a aprovação do relatório final da CPI da Covid vai gerar ainda mais desgaste para a imagem presidencial nas próximas semanas. No entanto, a maior preocupação do governo é com outra crise: a econômica, que está aumentando a desaprovação do presidente junto à população.

Segundo assessores presidenciais, a crise sanitária causada pela pandemia já não aparece como o principal problema do país nos levantamentos encomendados pelo Palácio do Planalto, principalmente no momento em que o Brasil atinge a marca de mais de 100 milhões de pessoas totalmente imunizadas, mais de 60% da população vacinável. Uma marca que vem tarde, já deveria estar acima de 70%, mas reduz a pressão sobre o governo Bolsonaro.

Os brasileiros agora estão dizendo que o governo não tem capacidade para gerir a economia. A inflação em alta, com um peso mais concentrado em alimentos, energia elétrica e combustíveis, desgasta a imagem do presidente da República. A subida dos preços compromete mais o orçamento de famílias de baixa renda, que culpa o governo federal pela crise econômica.

Um auxiliar presidencial disse reservadamente ao blog que Bolsonaro volta ao “páreo” da disputa presidencial no ano que vem se conseguir reduzir a inflação, diminuir o desemprego e fazer o país crescer mais.

Em relação à pandemia, ele afirma que esse tema já gerou desgaste na imagem presidencial, mas mantém Bolsonaro em condições de chegar ao segundo turno. Desde que a crise econômica não piore. Segundo ele, precisa melhorar.

Fonte: G1


There is no ads to display, Please add some

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *