- Brasil

Caminhoneiros fazem protesto na Via Dutra em Barra Mansa, no Sul do Rio

Uma fila de caminhões interrompeu parcialmente o trânsito na manhã desta segunda-feira (10) na Via Dutra, em Barra Mansa, no Sul do Rio de Janeiro.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), por volta das 10h, um caminhoneiro foi atingido por uma pedra no sentido São Paulo, por não querer aderir ao movimento. le foi atendido no local e os agentes realizam buscas para encontrar o agressor.Ainda segundo a PRF, por volta das 10h, os manifestantes ocupavam o acostamento nos dois sentidos da rodovia em Barra Mansa, e também o sentido Rio de Piraí e Porto Real.

Segundo a concessionária que administra a rodovia, a Nova Dutra, o protesto começou às 5h19. Pela manhã, o congestionamento chegou a 6 km no sentido Rio de Janeiro — do km 276, próximo a Bocaininha, chegando ao km 282. A faixa da direita também chegou a ficar interditada e apenas veículos leves e ônibus seguiam viagem. Os manifestantes impediam a passagem de outros caminhões, liberando os veículos que transportavam alimentos perecíveis.

Até a atualização desta reportagem, uma equipe da PRF estava no local para auxiliar no trânsito. Os postos de combustíveis próximo ao trecho são ocupados por caminhões. A PRF não soube precisar quantos veículos estão estacionados, por causa da grande quantidade.Ainda de acordo com a PRF, durante a madrugada desta segunda-feira, houve registro de quatro caminhões atingidos por pedras no para-brisa no mesmo trecho. Ninguém ficou ferido.

A PRF informou que o motivo da manifestação seria contra a decisão do Ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux, que proibiu, na última quinta-feira (6), a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) de multar por descumprimento da tabela do frete as transportadoras e empresas. Esse foi um dos motivos que fez os manifestantes da greve de maio deste ano de suspender a paralisação.

Outros protestos
Outros pontos da Rodovia Presidente Dutra foram ocupados por manifestantes na manhã desta segunda. Os protestos foram registrados no trecho do Vale do Paraíba e também no porto de Santos, em São Paulo, para evitar o acesso dos rodoviários aos terminais.

Nos dois, os manifestantes ocuparam parcialmente a pista e o trânsito chegou a fica congestionado.

Fonte: G1


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *