- Brasil

Casal de namorados gaúcho que desapareceu é encontrado em trilha de Florianópolis

O casal de namorados gaúcho que estava desaparecido desde sábado (13) em Florianópolis foi encontrado na manhã desta segunda-feira (15). De acordo com o Wanderley Redondo, da Delegacia de Polícia de Pessoas Desaparecidas, Bruna Licks de Oliveira, de 21 anos, e o namorado, João Enzweiler, de 20, estavam acampando em uma trilha na Lagoinha do Leste.

Segundo Marcelo dos Santos, que é tio de Bruna, eles estão bem e foram localizados em uma trilha onde não havia energia elétrica e nem sinal de celular. Além da família, a Diretoria de Inteligência da Polícia Civil de Santa Catarina e o Corpo de Bombeiros também tentavam encontrar os jovens.

Pro volta das 10h, o carro usado pelo casal durante a viagem a Santa Catarina foi encontrado um estacionamento próximo da praia pelos guarda-vidas. A partir daí, as buscas na região começaram e, logo depois, eles foram localizados. Não foi informado se eles se perderam na mata ou não conseguiram entrar em contato com a família.

O casal estava há cerca de uma semana em um camping no Campeche, no Sul da Ilha. Eles teriam desaparecido no caminho para a praia de Canasvieiras durante a tarde de sábado. Por volta das 12h30, a jovem avisou aos familiares que estava aproveitando a cidade e que iria encontrar a mãe e irmã do namorado mais tarde.

Como não tiveram mais notícias deles, amigos e parentes começaram a ficar preocupados. Pelas redes sociais, familiares fizeram diversos apelos por ajuda. Um boletim de ocorrências também foi feito na tarde de domingo (14). Nesta madrugada, a foto dos jovens foi publicada em uma página da Delegacia de Pessoas Desaparecidas.

Praia da Lagoinha do Leste
Rodeada por morros, a Lagoinha do Leste é uma das praias mais procuradas por moradores e turistas em Florianópolis. Apesar da bela paisagem em local de difícil acesso, em meio a montanhas e uma unidade de conservação no Sul da Ilha, o local exige cuidado por causa do alto risco de afogamento, além da possibilidade de se perder na mata.

Chegar lá só é possível de barco, quando as condições do mar permitem, ou por trilhas. O transporte por embarcação é feito por pescadores da praia no bairro Pântano do Sul. Entre algumas casas da comunidade é de onde parte a trilha mais curta, com cerca de uma hora de duração, chegando no canto direito da praia.

O outro caminho tem duração aproximada de 2h30, e sai da praia do Matadeiro, no bairro da Armação.

Cuidados na Lagoinha do Leste

  • preservar o local e levar o lixo embora;
  • conhecer o local de realização da trilha;
  • usar exclusivamente as duas trilhas oficiais;
  • iniciar a trilha cedo, levando água e alguma comida;
  • levar equipamentos, materiais e vestimentas adequadas;
  • no local não há sinal de celular e é importante avisar alguma pessoa ou familiar que vai fazer a trilha;
  • atentar-se às recomendações dos guardas-vidas; observar as bandeiras do posto; não entrar na água de tiver com bandeira vermelha;
  • em caso de acidente, manter a calma, tentar se localizar, ligar 193, repassar as informações e seguir as orientações do profissional que prestou atendimento.

Fonte: Divulgação


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *