- Brasil

Ossada humana descoberta durante restauração de prédio histórico em Curitiba é considerada ‘achado arqueológico’

Uma ossada humana descoberta durante as obras de restauração do Palácio Belvedere, no Centro Histórico de Curitiba, é considerada um “achado arqueológico”, de acordo com a prefeitura.

Construído entre 1912 e 1915, o edifício é tombado pelo Patrimônio Histórico do Paraná.

O Palácio Belvedere foi parcialmente destruído por um incêndio em dezembro de 2017 e está sendo restaurado. Ele é uma referência arquitetônica do estilo “Art Noveau” na cidade.

Escavações
Segundo a administração municipal, a ossada humana foi encontrada durante escavações das obras de restauração.

Para o prefeito Rafael Greca (DEM), a ossada pode ser do capitão Manoel de Paula Guimarães que, em 1808, construiu o antigo cemitério da igrejinha de São Francisco de Paula.

Fonte: Divulgação


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *