- Cidade

Operação ‘SOS Enchente’ identifica mais de duas mil famílias que podem ser atingidas pela subida dos rios

O total de 2.271 famílias residentes nos 15 bairros passíveis de alagação da capital amazonense foi identificado pela Prefeitura de Manaus durante os seis dias de trabalho da operação “SOS Enchente 2019”. O levantamento contou com a participação de 90 servidores da Defesa Civil e da Semasc.

Durante a ação também foram finalizados os trabalhos de vistoria nas estruturas das moradias, monitoramento de doenças híbridas e descarte de lixo nas áreas afetadas pelo fenômeno.

“Tivemos um primeiro alerta do Serviço Geológico do Brasil (CPRM), que apontou 29,19 metros na cota máxima das águas do rio Negro. Após esse anúncio, entramos em campo para realizarmos a identificação preventiva dessas famílias vulneráveis”, destacou o secretário municipal de Defesa Civil, Cláudio Belém.

A ação também conta com a parceria das secretarias municipais de Infraestrutura (Seminf), de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas), Saúde (Semsa), Limpeza Urbana (Semulsp) e do Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização de Trânsito (Manaustrans).

Nesse primeiro momento, as residências com risco de alagação foram identificadas para posterior concessão do Auxílio-Aluguel, no valor de R$ 600, pago em duas parcelas mensais de R$ 300, além de benefícios eventuais – cesta básica, rede, colchão e lençol. É importante destacar que o Auxílio-Aluguel é liberado somente após o município decretar Estado de Emergência, que só ocorre após a cota do rio chegar acima de 29 metros.

Prevenção

A operação “SOS Enchente” visa garantir a prevenção e a antecipação do atendimento às famílias que anualmente sofrem por conta do fenômeno da cheia. Conforme o Departamento de Operações da Defesa Civil, todos os bairros da cidade de Manaus passíveis de alagação receberam o monitoramento e o atendimento das equipes técnicas dos órgãos integrantes da operação. São eles: Tarumã, Mauazinho, São Jorge, Educandos, Raiz, Betânia, Presidente Vargas, Colônia Antônio Aleixo, Aparecida, Centro, Santo Antônio, Cachoeirinha, Glória, Compensa e Puraquequara.

Fonte: G1 AM


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *