- Economia

Dólar segue tendência de quedas pelo 4º dia e é cotado a 3,89 reais

O dólar segue em queda na manhã desta quinta-feira (4) pelo quarto dia consecutivo. Às 10h20, a moeda era cotada em R$ 3,89.

Por volta das 9h15 desta quinta, a moeda teve alta e chegou a R$ 3,93 e voltou a tendência de quedas — no entanto, após as 11h, a moeda norte-americana voltou a crescer.

Na quarta-feira (3), a moeda fechou o dia abaixo de R$ 3,90, depois das pesquisas eleitorais apontarem o avanço nas intenções de voto para o candidato à Presidência do PSL, Jair Bolsonaro. Foi o terceiro fechamento em queda consecutivo.

Na noite de quarta, Bolsonaro apareceu com 32% das intenções de voto, seguido por Fernando Haddad (PT), com 23%, na pesquisa Ibope divulgada na quarta-feira (3).

Em relatório divulgado na manhã desta quinta pela Rico Investimentos, a Bolsa está mais cautelosa nesta quinta por causa do restulado da pesquisa Ibope. “Durante a noite de ontem, a pesquisa Ibope mostrou crescimento de Bolsonaro no 1º turno, mas em ritmo menor, oscilando de 31% para 32%, enquanto Haddad oscilou de 21% para 23%”.

O relatório aponta diz que “a Bolsa já reage a isso e abre em queda de 1,38% contra alta de 0,65% do dólar nesta manhã”.

Para o economista da Tendências Consultoria, Silvio Campos Neto, o movimento do dólar é “totalmente associado às pesquisas eleitorais”, mesmo com a cotação da moeda subindo no exterior. “Se tem um mercado muito preocupado com a volta do PT. Por mais que o outro lado não seja animador, afasta uma agenda já conhecida”.

Campos Neto explica que a cotação do dólar pode variar bastante nos próximos dias, principalmente depois do resultado do primeiro turno das eleições, que acontece neste domingo (7).

Na terça-feira (2), o dólar havia registrado a maior queda diária em três meses e meio, terminando o dia cotado em R$ 3,93.

Os valores de cotação do dólar são referentes ao comercial, ou seja, moeda utilizada em negociações do mercado financeiro. A cotação utilizada para os brasileiros que vão viajar para o exterior é do dólar turismo, que costuma ser alguns centavos mais caro do que o comercial.

Fonte: R7


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *