- Economia

Inflação para famílias de baixa renda acelera em janeiro, diz FGV

A inflação para famílias de baixa renda, medida pelo IPC-C1 (Índice de Preços ao Consumidor — Classe 1) acelerou em janeiro deste ano, segundo os dados divulgados na manhã desta terça-feira (05) pela FGV (Fundação Getulio Vargas). A taxa ficou em 0,61% no mês, valor que é 0,29 ponto percentual acima do registrado em dezembro de 2018 (0,32%). Em 12 meses, a inflação acumulada chega a 4,29%.

Em janeiro, seis das oito classes de despesa que compõem o índice apresentaram alta em suas taxas de variação: transportes (de -0,52% para 1,84%), educação, leitura e recreação (de 0,66% para 2%), habitação (de 0,10% para 0,19%), alimentação (de 0,83% para 0,84%), despesas diversas (de 0,09% para 0,27%) e comunicação (de -0,02% para 0,01%).

Por outro lado, tiveram queda na taxa os grupos vestuário (de 0,7% para -0,56%) e saúde e cuidados pessoais (de 0,29% para -0,02%).

O indicador mede a inflação para as famílias com rendimentos mensais entre um (R$ 998) e 2,5 salários mínimos (R$ 2.495).

Fonte: R7


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *