- Esportes

Ainda na mira do Atlético-MG, Romero tira informações sobre o Galo com amigos

Enquanto Ángel Romero não define a sua vida no Corinthians, o Atlético-MG se mantém como principal clube brasileiro interessado no jogador paraguaio, que tem contrato com o Timão até julho e não tem tido evolução nas tratativas de renovação.

O Galo estuda as alternativas para viabilizar a contratação. Uma opção seria garantir um pré-contrato e esperar Romero sair livre no meio do ano. O GloboEsporte.com apurou, porém, que a ideia do clube é fechar o negócio o mais rápido possível. O Galo está no mercado à procura de um lateral-esquerdo e um atacante.

A polivalência de Ángel Romero joga a seu favor. Pode jogar pelos lados, como um segundo atacante, e pode até fazer a função de “falso 9”, o que seria uma alternativa a Ricardo Oliveira.

Ciente do interesse atleticano, Romero tirou informações sobre o clube e sobre a vida em Belo Horizonte com amigos que já atuaram pelo clube mineiro. A diretoria do Corinthians tem ciência do interesse atleticano, mas diz que as negociações para a renovação ainda não foram terminadas.

Romero não está inscrito no Paulistão e nem foi utilizado pelo Timão na estreia da Copa do Brasil. Por ordem da diretoria, o técnico Fábio Carille não pode utilizá-lo em jogos enquanto a renovação não sair. O atacante tem treinado com o grupo, mas fica fora dos coletivos que definem titulares.

Romero segue calado
Procurado pela reportagem GloboEsporte.com, Romero tem preferido não se manifestar sobre seu futuro. A pessoas próximas, porém, o atacante tem dito que as notícias sobre seus altos pedidos salariais não são verdadeiras. Ele também afirma que, se dependesse dele, a renovação contratual com o Corinthians já estaria acertada.

A diretoria do Corinthians alega que tenta renovar com Romero há cerca de um ano, desde que a gestão Andrés Sanchez assumiu o clube, em fevereiro. Romero, que era agenciado pelo paraguaio Daniel Campo até o início de 2018, assinou com a OTB Sports em junho. Nos valores da renovação, a empresa cobra o seu comissionamento. Esse montante, porém, não tem agradado a diretoria.

Fonte: Globo esporte


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *