- Esportes

Com PFL paralisada pelo covid-19, Kayla Harrison luta este mês no Invicta FC

Kayla Harrison ganhou um novo desafio neste fim de ano. Atleta do PFL desde que começou no MMA, a americana foi escalada para lutar no Invicta FC 43, no dia 20 deste mês, contra a compatriota Courtney King, conforme divulgado pela companhia à imprensa. Com cartel invicto de sete vitórias, Harrison fará sua primeira no peso-pena (até 65,8kg). Até então ela só havia competido pelo peso-leve (até 70,3kg).

A ida da lutadora ao Invicta é momentânea. Neste ano, o PFL suspendeu suas atividades por conta da pandemia do novo coronavírus e, por isso, o duelo do próximo dia 20 será o primeiro de Harrison em 2020. Em abril do próximo ano, entretanto, o PFL retorna ao calendário do MMA mundial e conta com a americana.

— Tenho a missão de mostrar que sou a melhor lutadora. Estou enfrentando desafios durante toda a minha carreira e essa luta no peso-pena é mais uma coisa nova e emocionante para mim. Estou ansiosa para competir nessa outra categoria e mal posso esperar para voltar ao cage do PFL em abril — afirmou a atleta, ainda de acordo com o comunicado do Invicta à imprensa.

Judoca campeã mundial, em 2010, e olímpica, em 2012 e 2016, Harrison começou no MMA em 2018. Ela foi a grande vencedora do PFL no ano passado, recebendo o prêmio de 1 milhão de dólares da organização, em vitória por decisão unânime sobre a brasileira Larissa Pacheco. Dos sete triunfos que carrega, três são por finalização e dois por nocaute.

Já Courtney King está no MMA desde 2017, com quatro vitórias e uma derrota no currículo, por quatro eventos diferentes. Essa será a terceira vez em que ela lutará pelo Invicta.

Fonte: Globo esporte


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *