- Esportes

Com três gols de desvantagem, Atlético-MG buscará repetir feito alcançado por apenas oito times

O time do “Eu acredito” e das viradas da Copa do Brasil de 2014 precisará, mais uma vez, mostrar a sua força em casa em um mata-mata. A derrota por 3 a 0 para o Cruzeiro, na quinta-feira passada, deixou o Atlético-MG em uma situação complicada para o jogo de volta das quartas de final, nesta quarta-feira, no Independência. O Galo precisará tirar uma diferença que poucos times conseguiram na história da competição.

Nas 31 edições da Copa do Brasil, apenas oito vezes uma equipe que perdeu o primeiro jogo por três gols de diferença conseguiu reverter a situação no jogo de volta, sendo que nenhuma vez aconteceu na fase de quartas de final. Em todas as sete ocasiões em que o derrotado por três ou mais gols se classificou no jogo da volta, o número de gols marcados fora de casa era critério de desempate, o que não ocorre este ano.

Em 2014, na campanha do título atleticano, o Galo conseguiu reverter duas desvantagens, mas de dois gols. Perdeu para Corinthians e Flamengo por 2 a 0, ambas fora de casa, e virou na volta, vencendo por 4 a 1, no Mineirão. Contra o Cruzeiro, em 2019, a remada terá que ser um pouco mais longa.

– O Cruzeiro tem uma ótima vantagem, mas a gente acaba definindo isso diante da nossa torcida. Sabemos que a torcida vai fazer a sua parte e espero que possamos fazer a nossa parte dentro de campo – destacou Réver.

Fonte: Globo esporte

 


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *