- Esportes

Empatados em 2º, João e Felipe vão à semi dos 50m peito; Leo e Altamir avançam no borboleta

Felipe Lima e João Gomes se conhecem há muito tempo, estão na seleção brasileira há dez anos, mas garantiram que não foi combinado. Os dois fizeram a mesma marca nas eliminatórias dos 50m peito do Campeonato Mundial, disputadas na noite desta segunda-feira (no horário de Brasília), manhã de terça em Gwangju, na Coreia do Sul. Com 26s73, eles só ficaram atrás do atual bicampeão mundial da prova, Adam Peaty, que anotou 26s26. Leonardo de Deus e Luiz Altamir foram à semi dos 200m borboleta. As semifinais serão nesta terça-feira às 8h, com transmissão do SporTV e tempo real do GloboEsporte.com

– Foi uma queda para retomar a velocidade, agora a tarde é encaixar o nado para fazer bem melhor. Tem um degrau agora na semi, a gente não pode bobear. Se bobear fica fora da final – disse João.

– Agora viramos a página para os 50 metros, estamos preparado para isso. Tem adversários fortes nesta semifinal. Não posso me afobar, as vezes se afoba a gente patina, nada e nada e não sai do lugar – disse Felipe.

Nos 200m borboleta, os dois brasileiros também avançaram às semifinais. Leonardo de Deus fez o quarto tempo, enquanto Luiz Altamir foi o 13º. Leo atingiu a semi da prova pela quinta vez consecutiva – foi 13º em Shangai (China) em 2011, oitavo em Barcelona (Espanha) 2013, nono em Kazan (Rússia) em 2015 e 14º em Budapeste (Hungria) em 2017. Já Altamir nadou pela primeira vez nesta prova em Mundiais. Leo de Deus fez a marca de 1m56s05, passou em quarto, e Altamir anotou 1m57s08, em 13º.

– Foi uma prova muito boa, até fraca com relação aos outros Mundiais. Para eu me classificar bem sabia que ia precisar de 1m56s baixo, tranquilo e suave. Agora a tarde vamos vir mais forte – disse Leonardo.

Fonte: Globo esporte

 


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *