- Esportes

Lei Kobe Bryant: Califórnia proíbe socorristas de fotografarem cenas de acidentes com mortes

O governador democrata Gavin Newsom aprovou, na Califórnia, a “Lei Kobe Bryant”, que torna ilegal os primeiros socorristas fotografarem sem autorização pessoas mortas na cena de um acidente ou crime. As mortes da lenda na NBA, Kobe Bryant, sua filha Gianni, de 13 anos, e mais sete pessoas, em um acidente de helicóptero no início do ano motivaram a legislação.

Ela entra em vigor no dia 1º de janeiro de 2021. Um socorrista que for julgado culpado pela violação, poderá pagar uma multa de até U$ 1000 (R$ 5.643).

Vanessa Bryant, viúva de Kobe, chegou a processar a Polícia de Los Angeles por tirar e divulgar fotos do fatal acidente. Um dos oitos policiais que estiveram no local teria até mostrado as imagens a outras pessoas em um bar para impressioná-las.

De acordo com o xerife do condado, Alex Villanueva, os oito policiais foram acusados. A suposta política do departamento contra tirar e compartilhar fotos de cenas com mortes se aplicava apenas a crimes, não a acidentes. Villanueva alega ainda que ordenou que eles excluíssem os registros.

Fonte: Globo esporte


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *