- Esportes

No último Grand Slam da carreira, Ferrer abandona, e Nadal avança à 2ª rodada

Foi com uma dose extra de emoção que Rafael Nadal garantiu sua passagem para a segunda rodada do US Open na noite desta segunda-feira em Nova York (já madrugada de terça no Brasil). Número 1 do mundo, o espanhol venceu o primeiro set contra o compatriota David Ferrer por 6/3 e perdia o segundo por 3/4 quando o compatriota sentiu uma lesão na panturrilha e teve de desistir, selando a classificação do Touro Miúra. O trsite desfecho representou a despedida de Ferrer dos torneios de Grand Slam, pois o tenista de 36 anos já anunciou a aposentadoria para o próximo ano.

Atual campeão em Nova York (venceu também em 2010 e 2013), Nadal terá agora pela frente Vasek Pospisil (88º). O canadense eliminou mais cedo com autoridade o eslovaco Lukas Lacko (77º) por 3 a 0 (7/5, 6/3 e 6/2).

– Eu sinto muito, muito por ele. Ele é um dos meus amigos mais próximos no circuito. Nós compartilhamos momentos incríveis juntos. Ee ele é um dos maiores jogadores que nosso país já teve – frisou Rafael Nadal, que certamente não esperava garantir seu presença na próxima fase graças a lesão do velho parceiro.

Desolado com a forma como se despediu de seu último Grand Slam, David Ferrer, que chegou a sert número 3 do mundo e hoje ocupa o 148º lugar no ranking da ATP), salintou que seu corpo chegou ao limite e a lesão o impediu de continuar à luta.

– Eu sabia que seria impossível terminar o jogo. Tentei mais dois games. Finalmente, decidi me retirar porque é pior jogar e romper, romper tudo. É claro que estou triste porque é o meu último Grand Slam. Estava gostando de jogar contra o Rafa. Eu estava jogando bem. Mas, de qualquer forma, estou orgulhoso de mim mesmo, com minha carreira – ressaltou Ferrer.

Fonte: Globo esporte


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *