- Polícia

Cabeleireiro encontrado morto e amarrado em salão, na Zona Norte de Manaus

Um cabelereiro foi encontrado morto e amarrado na madrugada desta sexta-feira (9), dentro de salão de beleza no bairro Cidade Nova, na Zona Norte de Manaus. Waldemir Rodrigues Cardoso, de 53 anos, foi assassinado por asfixia. A Polícia Civil suspeita que ele foi vítima latrocínio – roubo seguido de morte. Pertences do cabeleireiro foram levados pelos criminosos.

Por volta das 4h30, o corpo foi encontrado por um vizinho da vítima no salão localizado na rua 69, Núcleo 4. O imóvel tem dois cômodos e o cabeleireiro morava no quarto de dentro do estabelecimento.

A testemunha relatou para polícia que viu um veículo parado em atitude suspeita e logo depois um homem saiu do imóvel carregando uma TV. O criminoso entrou dentro no carro e o veículo deixou o local. A testemunha disse ainda que, pelo menos, duas pessoas estavam no carro.

De acordo com a 6ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), um vizinho percebeu que o salão estava com a porta lateral aberta e foi até o imóvel. O estabelecimento estava todo revirado e o cabeleireiro amarrado. A Polícia Militar foi acionada e uma equipe da 6ª Cicom foi até o local. Os policiais se depararam com Waldemir Rodrigues com mãos e pés amarrados. O cabeleireiro tinha um pano enrolando no pescoço e estava de bruços, na cama, no segundo cômodo do imóvel.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) constatou que o cabeleireiro estava morto. Os familiares e amigos estiveram no salão, mas, abalados, preferiram não comentar o crime.

Os peritos do Departamento Polícia Técnico-Científica (DPTC) constaram que vítima foi asfixiada e periciaram o local do crime. Não havia sinais de arrombamento. Os investigadores da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) suspeitam que um dos criminosos seja alguém que a vítima conhecia.

Para Polícia Civil, o cabeleireiro foi vítima de latrocínio (roubo seguido de morte). Uma quantia de dinheiro pode também ter sido roubada pelo assassino.

Waldemir Rodrigues foi visto pela última vez com vida por volta das 20h30 quinta-feira (8), quando recebeu a visita da filha e do genro.

Um inquérito policial foi instaurado e, com base nas informações relatadas por vizinhos da vítima, os investigadores iniciarão as investigações. Câmeras de segurança captaram o momento que veículo passou pela rua e as imagens serão usadas para identificar os suspeitos.

Fonte: G1 Am


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *