- Polícia

Carvoeiro é morto ao reagir a assalto em posto de combustíveis

O vendedor de carvão Antônio Teodoro Aguiar Souza, de 49 anos, morreu após ser baleado em uma tentativa de assalto, na madrugada desta sexta-feira (24), no bairro Jorge Teixeira, zona leste de Manaus. Um suspeito do crime foi baleado e preso.

Um funcionário do carvoeiro, que estava com a vítima no momento do crime, disse ao g1 que a vítima parou para abastecer o veículo em um posto de combustíveis, quando os criminosos anunciaram o assalto. O carvoeiro e o funcionário estavam se dirigindo para a estrada AM-010 (Manaus-Itacoatiara) para trabalhar com carvão.

O carvoeiro estava com cerca de R$ 8 mil e reagiu ao assalto, sendo baleado. Segundo o funcionário, ele estava com essa quantia de dinheiro em espécie porque comprava e vendia carvão.

Segundo o tenente Eduardo Pinheiro, da 30ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), os agentes fizeram buscas por quatro criminosos que teriam cometido o assalto. Um suspeito, de 22 anos, foi encontrado baleado na rua.

“Segundo ele, o parceiro dele mesmo atirou, na hora que a vítima reagiu”, afirmou Pinheiro.

O suspeito foi socorrido até o HPS Platão Araújo e em seguida levado para o 14° Distrito Integrado de Polícia. Os outros três envolvidos fugiram.

O funcionário do carvoeiro estava na sede do 14° DIP para prestar depoimento.

A família da vítima esteve na sede do Instituto Médico Legal para liberação do corpo do homem. O caso é investigado pela Polícia Civil.

Fonte: G1/am

 


There is no ads to display, Please add some

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *