- Política

Pelas redes sociais, Bolsonaro promete combater criminalidade

O candidato à presidência da República pelo PSL, Jair Bolsonaro, usou suas redes sociais na manhã deste sábado (6), para criticar governos que, segundo ele, deixaram de combater a criminalidade. “Quão criminoso e negligente precisa ser um governo para deixar a violência chegar ao pontos que chegou em nosso país?”

O candidato afirmou também que é preciso combater a criminalidade. “Quando entenderão que não é a vítima de latrocínio que morre por conta de um celular, mas o bandido covarde que mata por isso? Chega de inversão de valores!”, disse.

Bolsonaro disse, às vésperas das eleições, que autores de delitos não podem se beneficiar pela impunidade. “Hoje o criminoso se sente na razão das crueldades que comete porque há quem as justifique. É preciso pegar pesado no combate ao crime para que o marginal entenda que suas ações não sairão impunes, e que é ele que deve ceder. A sociedade precisa de uma resposta! Nós daremos!”

Na noite da sexta-feira (5), dois dias antes do primeiro turno da eleição, o candidato afirmou, por meio de vídeo em redes sociais, que acatará qualquer resultado que sair do pleito de domingo (7), recuando assim de uma declaração anterior em que disse que só aceitaria um resultado que fosse sua eleição ao Palácio do Planalto.

Em transmissão ao vivo em sua conta no Facebook, Bolsonaro reiterou, no entanto, desconfiança com o processo eletrônico de votação e repetiu apelos pelo voto útil em seu nome com vistas a tentar vencer a eleição já no primeiro turno.

“Vamos acatar qualquer resultado das eleições. Não há dúvida de que vamos acatar”, disse ele, logo depois de comentar as suspeitas sobre o sistema eletrônico de votação.

Fonte: R7


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *