- Brasil

Caso Tatiane Spitzner: Juiz encerra sessão após defesa de Luiz Felipe Manvailer

O júri popular de Luis Felipe Manvailer, acusado de matar a mulher, Tatiane Spitzner, foi suspenso após a defesa do réu abandonar a sessão, por volta de 12h40 desta quarta-feira (10). O juiz vai definir uma nova data para o julgamento continuar.

O juiz aplicou multa de seis salários mínimos aos advogados da defesa e afirmou que a ação é “uma afronta ao processo, ao réu e à Justiça”.

A sessão havia começado por volta das 9h20, no Fórum de Guarapuava, na região central do Paraná.

Por volta de 12h30, o julgamento foi interrompido pelo juiz após a defesa se retirar durante o depoimento da primeira testemunha de acusação.

Eles afirmam ter “o trabalho cerceado” uma vez que o juiz não autorizou o uso de um vídeo da portaria do prédio onde aconteceu o crime como prova. O juiz afirmou que o material não consta nos autos inicias e negou o pedido dos advogados do réu.

A defesa afirma que o vídeo faz parte dos autos.

Manvailer chegou ao fórum em um carro do Departamento Penitenciário do Paraná por volta das 8h30. Familiares e amigos de Tatiane fizeram um protesto no local, pedindo a condenação do réu.O sorteio dos membros do júri popular abriu o julgamento, por volta das 9h20. Foram sorteadas sete pessoas para o conselho de sentença, ficando o júri formado por seis homens e uma mulher.

Veja como será o julgamento de Luis Felipe Manvailer
Manvailer entrou na sala do julgamento para acompanhar o depoimento das testemunhas de acusação e defesa.

Por volta das 10h50, começou o depoimento da primeira testemunha, de acusação, por videoconferência.

Por conta da pandemia do novo coronavírus, o julgamento é restrito para presença das partes envolvidas no processo.

A partir do momento dos debates, a sessão terá transmissão virtual, pelo canal do Tribunal de Justiça do estado no Youtube.

Fonte: G1


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *