- Esportes

Barcelona deve 197 milhões de euros a outros clubes; Palmeiras, Grêmio e Atlético-MG na lista

A prestação anual de contas do Barcelona foi publicada nesta segunda-feira e repercutiu na imprensa espanhola. O clube, que vive grave crise financeira, divulgou altos valores em dívidas por transferências de jogadores nas últimas temporadas.

O Barcelona tem a quitar uma dívida de 126 milhões de euros a curto prazo e 197 milhões a longo, como informou o relatório. Entre as transações listadas, aparecem sete brasileiros – alguns deles já foram vendidos e saíram do clube.

Coutinho, contratado junto ao Liverpool em 2018, é o jogador que gera a maior dívida a curto prazo: 29 milhões. Palmeiras, por Matheus Fernandes, Grêmio, por Arthur, e Atlético-MG, por Emerson, são os clubes do Brasil que têm quantias a receber. Malcom, Neto e Matheus Pereira também integram a lista.

O jornal esportivo “Marca”, inclusive, colocou a despesa com o Palmeiras por Matheus Fernandes como “difícil de explicar aos torcedores”. O volante de 22 anos atuou por apenas um jogo, depois de ser emprestado e pouco utilizado no Valladolid.

De Jong, transferido do Ajax, e Pjanic, da Juventus, são os atletas que geram as maiores dívidas a longo prazo. A transação com a equipe italiana, porém, também envolve valor a receber por conta da saída de Arthur.

Não citado na lista de dívidas por atletas contratados, Griezmann também fará o Barcelona desembolsar dinheiro nesta temporada. Existe um débito de cinco milhões de euros com o Atlético de Madrid por conta da preferência de contratação.

O alto valor a ser quitado por jogadores que já estão no elenco – ou até que já saíram – faz com que o Barcelona encontre dificuldades nas próximas janelas de transferências. Os últimos reforços foram o lateral-direito Dest, ex-Ajax, e o atacante Trincão, ex-Braga.

Fonte: Divulgação


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *