- Esportes

Botafogo reafirma interesse por acordo com Loco Abreu, mas diz que valor pedido é inaceitável

O Botafogo voltou a se manifestar sobre a ação movida por Loco Abreu na Justiça. Em agosto, o clube teve recurso negado e ainda foi condenado por má-fé no processo em que o atacante uruguaio cobra quase R$ 6 milhões referentes ao não pagamento de acordo contratual. A decisão foi revertida nesta quinta-feira.

De acordo com o Botafogo, “a juíza Karenina David Campos de Souza e Silva, da 35ª Vara Cível do TJ do Rio, negou o pleito apresentado pelos advogados do ex-atleta Loco Abreu com alegação de ‘má-fé’ do clube em sua defesa no processo”.

– O Botafogo segue discutindo os valores apresentados no processo e reitera interesse em chegar a um acordo justo com Loco Abreu, ídolo da torcida alvinegra e ex-atleta do clube. Contudo, discorda e não reconhece o que está sendo pleiteado por seus advogados, pois há excesso pecuniário inaceitável e sem respaldo material – afirmou o clube.

O processo corre na Justiça há quatro anos, e o ex-jogador alvinegro cobra direitos que não teriam sido depositados entre 2013 e 2014. O Botafogo já havia questionado o valor pedido por Loco Abreu e chegou a pedir que um perito avaliasse a cobrança, o que foi autorizado pela juíza.

Porém, o cálculo foi considerado correto, e o Botafogo foi condenado a pagar uma multa por litigância de má-fé por atrapalhar o andamento do processo. O clube recorreu e venceu.

Diego Loureiro foi o destaque do Botafogo no empate em 0 a 0 com o Cruzeiro

Recentemente, Loco Abreu foi convidado pelo clube para participar de uma transmissão da Botafogo TV. O uruguaio fez o pré-jogo da partida contra o CSA, em 23 de setembro.

Fonte: Globo Esporte


There is no ads to display, Please add some

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *