- Esportes

Liverpool x Bayern e Lyon x Barcelona agitam a terça-feira de Liga dos Campeões

A Liga dos Campeões terá mais um episódio das oitavas de final nesta terça-feira com dois jogaços: Liverpool x Bayern e Lyon x Barcelona.

O confronto entre ingleses e alemães é um dos mais aguardados desta fase, com o jogo de ida em Anfield. O técnico Jürgen Klopp reencontrará o polonês Lewandowski, antigo aliado no Borussia Dortmund em clássicos contra o Bayern. Hoje, um “melhor inimigo”.

– Foi um treinador que teve um impacto enorme na minha carreira. Tenho de estar grato por tudo o que fizemos juntos no Dortmund. Crescemos juntos e isso permitiu-me chegar até onde cheguei. É um excelente treinador e uma excelente pessoa. Aprendi muito com ele. Libertou o instinto de atacante que havia em mim e isso permitiu-me dar o passo seguinte – disse “Lewy”, artilheiro desta Champions com oito gols, ao site da Uefa.

Fabinho de zagueiro?!
Com cinco títulos cada um na história, o Liverpool x Bayern tem ares de final de prestígio.

Desta vez, o Liverpool, finalista da última edição (acabou sendo vice para o Real Madrid), é o favorito diante de um Bayern longe de sua melhor forma, embora o desfalque de Van Dijk na defesa seja um enorme problema para o time inglês.

Também estão ausentes devido a lesões Joe Gomez e Dejan Lovren, o que deve fazer com que o brasileiro “multifuncional” Fabinho jogue como zagueiro.

Klopp também falou sobre a atmosfera em Anfield:

– Na Alemanha muitas pessoas falam sobre isso, eles dizem que talvez nós somos o clube mais emocional do mundo do futebol. Na minha opinião a emoção é positiva, então vamos mostrar isso. O ambiente tem muita importância. Os nossos torcedores são capazes de levar a nossa equipe dos 100 para os 140 por cento.

O gigante da Baviera tem dúvidas no ataque sobre seu melhor jogador nas últimas semanas, o francês Coman, que lesionou o tornozelo na sexta-feira depois de marcar dois gols e dar uma assistência contra o Augsburg. Ribéry é opção – Robben, Müller, Boateng, e Tolisso são desfalques garantidos.

Prováveis escalações:

Liverpool: Alisson, Alexander-Arnold, Fabinho, Matip e Robertson; Henderson, Milner, Wijnaldum; Salah, Firmino e Mané. Técnico: Jürgen Klopp.
Bayern: Neuer, Kimmich, Süle, Hummels e Alaba; Goretzka e Thiago; Gnabry, James Rodríguez e Coman; Lewandowski. Técnico: Niko Kovac.

Lyon recebe o Barcelona… de Messi
Lyon e Barcelona se enfrentam no mesmo horário na França.

Depois de uma fase de grupos sem derrotas, o Barça inicia a nova fase em bom momento como líder do Campeonato Espanhol e com seus principais jogadores prontos: Messi já está recuperado de seus problemas na coxa direita e será acompanhado na frente pelo uruguaio Suárez e pelo jovem ponta francês Dembélé.

A principal novidade no Barcelona é a volta de Samuel Umtiti, que superou sua lesão no joelho, embora seja pouco provável que jogue contra sua ex-equipe.

No Lyon, o campeão do mundo com a seleção francesa, o atacante e capitão Nabil Fekir não vai poder jogar a partida de ida já que cumpre suspensão por acúmulo de cartões amarelos.

Em seis jogos disputados contra o Barcelona na Champions, a equipe francesa nunca venceu: foram quatro derrotas e dois empates.

Bruno Génésio, o técnico da equipe francesa, diz que o Barcelona é o favorito, mas depois de vencer por 2 a 1 o PSG no Francês e ter somado quatro pontos contra o Manchester City na fase de grupos, também vê chances para o seu time:

– Manchester City e Barcelona são duas equipes de ataque. Fizemos dois bons jogos contra o City e podemos repeti-los contra o Barcelona, apesar de eles serem um pouco diferentes, pois têm uma superestrela (Messi). Precisamos de equilíbrio quando enfrentamos o Barcelona: é necessária organização, disciplina e colocá-los sob pressão sempre que possível.

Ernesto Valverde, treinador do Barcelona, elogiou o comportamento do Lyon como time:

– Esperamos muito tempo por este jogo e estamos ansiosos por isso. Eles são uma grande equipe, estão fazendo uma boa campanha até agora e ainda não perderam na Champions. O Lyon tem bons atacantes que podem lançar contra-ataques. O que mais gosto neles é como pressionam e não permitem que o adversário jogue como equipe. Vai ser um jogo difícil.

Prováveis escalações:

Lyon: Lopes, Dubois, Marcelo, Denayer e Mendy; Tousart e Ndombélé; Traoré, Depay e Aouar; Dembélé. Técnico: Bruno Génésio.
Barcelona: Ter Stegen, Semedo, Piqué, Lenglet e Alba; Busquets, Rakitic e Vidal; Dembélé, Messi e Suárez. Técnico: Ernesto Valverde.

Fonte: Divulgação


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *