- Famosos

Fabio Assunção é prestigiado por Susana Vieira e pela ex Pally Siqueira em peça

Fabio Assunção retornou aos palcos nesta sexta-feira (2) com a peça “Dogville”, no Teatro Clara Nunes, no Shopping da Gávea, Zona Sul do Rio. Na plateia, o ator foi prestigiado por famosos como Susana Vieira, Heitor Martinez e pela ex-namorada Pally Siqueira, com quem se relacionou até meados do primeiro semestre deste ano. Na época, a intérprete da Amanda de “Malhação: Vidas Brasileiras” optou por não rotular a relação, em entrevista ao Purepeople. Em cena, o namorado de Maria Ribeiro divide o palco com Mel Lisboa e Bianca Byington entre outros. Nos bastidores, Fabio foi clicado sendo tietado e tietando Susana.

SAIBA DETALHES DA PEÇA!
De autoria de Lars Von Trier, “Dogville” fica em cartaz no Rio até 16 de dezembro. Com direção de Zé Henrique de Paula, a história é ambientada na fictícia cidade, na qual moram poucas pessoas. Elas vivem em péssimas condições de vida e a reviravolta acontece quando chega Grace (papel de Mel Lisboa). A jovem busca em Dogville uma maneira de se esconder de bandidos. Em troca de abrigo, oferece trabalhar aos moradores. Mas, com o tempo, passa a ser abusada pela população local. Em janeiro, “Dogville” desembarca em São Paulo para uma temporada de três meses.

FABIO E MARIA REATARAM NAMORO APÓS 2 MESES
Os atores engataram um relacionamento no primeiro semestre deste ano e em maio foram clicados pela primeira vez juntos, em um aeroporto. Após afastar o fim da relação, Maria se declarou para o ator, exaltando sua beleza. “Top model, intelectual, engajado e possuidor de helicóptero. Uau”, enumerou a apresentadora. No final de agosto, a colunista Marina Caruso, do jornal “O Globo”, informou que o casal não estava mais junto. Mas no mês passado, os atores resolveram retomar o relacionamento.

ATOR RECORDOU PRISÃO E CONTOU TER TIDO AJUDA DO FILHO A SUPERAR MEMES
Ao participar do “Conversa com Bial”, Fabio relembrou quando foi preso em 2017 em Arcoverde, em Pernambuco. O ator disse ter tido ajuda do filho a superar a repercussão do episódio. “Virou o ‘sextou’. Sempre achei os memes ofensivos. Conversei com meu filho, falei que estava pensando em processar um deles e ele disse: ‘pai, não faz isso não, é zoeira’. Vi que estava pegando pilha, levando a sério. Daqui a pouco alguém toma um porre na sexta e eu vou perder o título”, afirmou. Ele também admitiu ter exagerado no caso. “Saí do tom, não tratei a polícia com respeito, gritei com eles. Imediatamente fui algemado, foi uma coisa muito violenta. Reagi, foi tudo errado”, completou.

Fonte: Purepeople


There is no ads to display, Please add some

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *